PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

PUBLICIDADE
15/05/2018 07h50

Fiscal é preso por cobrar para agilizar processo de contribuinte

Dourados News


Um fiscal da Prefeitura de Coxim, cidade localizada na região Norte do Estado, foi preso em flagrante nesta segunda-feira, dia 14 de maio, por concussão (exigir vantagem indevida em função do cargo que ocupa), sob acusação de cobrar R$ 70 de uma contribuinte na Gerência de Projetos da cidade. O valor seria exigido para dar agilidade a um processo de regularização fundiária.

O fiscal, conforme o site Edição de Notícias, foi alvo de denúncia junto à Procuradoria-Geral do Município, que por sua vez acionou a Polícia Civil. Esta abriu inquérito sobre o episódio.

O advogado DouglasWagner van Spitzenbergen anexou à denúncia mensagens trocadas entre o fiscal e vítimas, bem como recibos assinados por ele. Preso, o servidor disse que cobrou R$ 70, porém, afirmou que se tratava de um serviço efetuado fora do horário de expediente e por conta própria.

A alegação foi rebatida pelo procurador-geral do município, segundo quem tal cobrança não era permitida porque o servidor já era remunerado para exercer a função.



                    


NENHUM COMENTÁRIO



escrever comentário




PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE


PUBLICIDADE