PUBLICIDADE
Caarapó

Suspeito de integrar bando de Beira-Mar é preso no Paraguai

| TERRA


O brasileiro Jarvis Chimenes Pavão, um dos suspeitos de tráfico de drogas mais procurados da fronteira entre Brasil e Paraguai, foi detido na madrugada deste domingo na região nordeste do Paraguai, segundo a Secretaria Nacional Antidrogas (Senad) do país. O brasileiro, supostamente ligado ao cartel dirigido da prisão por Luiz Fernando da Costa, o Fernandinho Beira-Mar, "foi surpreendido praticamente na cama, já que foi aproveitado o momento de forte tempestade desta madrugada", disseram representantes da Senad.


Pavão foi preso junto com outras quatro pessoas, entre elas o paraguaio Carlos Antonio Caballero, conhecido como Capilo, em uma fazenda na região de Yby-Yaú, no departamento de Concepción, 450 km ao norte de Assunção.

Os detidos, que serão transferidos por via aérea à base da Senad em Assunção para serem colocados à disposição da Promotoria, se encontravam a 35 km da fazenda 4 Filhos, de que é permanentemente vigiada pelas autoridades antidrogas. A polícia apreendeu três fuzis, pistolas, US$ 10 mil, R$ 5 mil e 34 milhões de guaranis (o equivalente a US$ 7,3 mil).


PUBLICIDADE
PUBLICIDADE