PUBLICIDADE
Geral

Funcionário cai em golpe e posto leva prejuízo de R$ 2 mil

| MIDIAMAX


Um funcionário de um posto de combustíveis foi vítima do golpe do celular em Nioaque. A empresa tomou um prejuízo de R$ 2.200.

O gerente do Auto Posto Taurus, Marcos Cafure Gonçalves, de 25 anos, teria recebido uma ligação de um telefone não conhecido, porem o autor da chamada teria se identificado como sendo o médico legista da Polícia Civil no município, e pediu que fosse alguns fardos de refrigerante. Gonçalves disse que não tinha os refrigerantes e desligou o telefone.
 

O falso médico legista ligou novamente, e outro funcionário do posto atendeu a ligação, pois o gerente tinha saído do local. Desta vez o golpista pediu que fosse creditado R$ 100 em um número de celular e posteriormente passou outros números para que os créditos também fossem inseridos.
 

Ao todo o comerciante levou o prejuízo de R$2.200 em créditos inseridos para os celulares do golpista.

Gonçalves levou os comprovantes da inserção dos créditos até a delegacia de polícia local e registrou a ocorrência de estelionato.

 


PUBLICIDADE
PUBLICIDADE