PUBLICIDADE
Caarapó

Hacker diz ter desbloqueado PlayStation3


Há três anos no mercado, console da Sony era tido como impossível de ser hackeado.

 

Um hacker americano, famoso por quebrar o código do aparelho de telefone celular iPhone, da Apple, ainda adolescente, disse à BBC que teria hackeado o PlayStation 3 da Sony.

 

 

George Hotz disse que ainda trabalha para aprimorar a técnica mas que irá divulgar os resultados em breve na internet.

 

 

Seu ataque permite usar jogos piratas ou softwares caseiros no PS3, considerado o único jogo de consoles que ainda não havia sido hackeado com sucesso, apesar de estar no mercado há três anos.

 

 

"Ele é supostamente impossível de se hackear, mas nada é impossível de se hackear", disse Hotz.

 

 

Curiosidade

 

O americano afirma que levou cinco semanas para quebrar o código do PS3. Ele diz ter começado a estudar o sistema durante três semanas em meados do ano passado. Outras duas semanas no final do ano foram usadas para completar o ataque.

 

 

Hotz diz que hackeou o PS3 usando 5% de hardware e 95% de software.

 

 

"Você pode usar o hardware para injetar alguma insegurança no sistema e depois explorá-la", afirma.

 

 

Ele diz ter sido motivado por curiosidade já que "honestamente, nunca joguei PS3".

 

 

Um porta-voz da Sony disse que a empresa investiga a alegação e que ela irá se pronunciar uma vez que tiver mais informações.

 

 

Hotz tornou-se famoso em 2007, quando estava com 17 anos, ao abrir o código do iPhone, permitindo que o telefone pudesse ser usado por qualquer operadora e não apenas pela americana AT&T nos EUA.

 

 

Ele tem publicado desde então detalhes de outros hacks.


PUBLICIDADE
PUBLICIDADE