PUBLICIDADE
Caarapó

Final de semana violento em Dourados

| DOURADOSAGORA


O final de semana foi violento em Dourados. Foram dez tentativas de homicídio e um assassinato. Os crimes aconteceram entre a noite de sexta-feira e domingo.


Ontem, um jovem de 18 anos, morador no Parque das Nações II, foi vítima de uma tentativa de homicídio. O crime aconteceu por volta das 15h30, na Rua Paulo Almeida Teixeira, naquele bairro.


De acordo com informações policiais, a vítima caminhava pelo local, quando foi abordada por um desconhecido. O indivíduo efetuou três golpes de faca, que atingiram a vítima no rosto, na região da clavícola e outra no tórax. A vítima foi socorrida pelo Samu e encaminhada para o Hospital da Vida em estado gravíssimo.


Ainda ontem por volta da 1h30, cinco pessoas foram atingidas a disparo de arma de fogo numa lanchonete localizada na Rua Ferrari, na Vila Industrial. Segundo a polícia, o acusado dos disparos é um jovem de 21 anos, morador no Parque das Nações I.


Ele entrou na lanchonete portando uma pistola 9 milímetros e efetuou vários disparos contra as pessoas que estavam no local. Ficaram feridos: um jovem de 18 anos, morador na Vila Ubiratã. Ele levou um tiro na perna direita; outro jovem de 18 anos, morador na vila Vieira, levou um tiro na perna esquerda; um campo-grandense de 20 anos, levou um tiro na perna direita, um adolescente de 16 anos, com um tiro na perna direita e outro de 15, com cinco tiros, sendo um no braço esquerdo, dois na barriga, um na virilha e um na perna direita.


O acusado fugiu numa motocicleta. Equipes do Samu e Bombeiros estiveram no local e encaminharam as vítimas para o Hospital da Vida. O menor de 15 anos foi internado em estado grave, as demais vítimas estão em estado de observação. A Polícia acredita que o crime esteja relacionado a brigas entre grupos rivais do Parque das Nações I e Vila Vieira.


Um jovem de 19 anos, morador no Corredor 6 da Chácara Califórnia, foi vítima de uma tentativa de homicídio. O crime aconteceu por volta das 1h10 de sábado, em frente a um bar, localizado na Rua S-6 no Parque das Nações II.
Segundo informações da polícia, a vítima estava em companhia de outras pessoas que haviam acabado de sair do interior do bar, quando um desconhecido se aproximou e efetuou seis disparos contra a vítima. Um deles atingiu o rosto. Ele foi socorrido pela equipe Alpha do Samu e encaminhado para o Hospital da Vida. A vítima permanece internado em observação.


O jovem não disse para a polícia quem seria o autor dos disparos e os motivos acerca do crime. O caso está sendo investigado.  

ALDEIA
Na aldeia indígena um homem de 65 anos e o sobrinho, de 21 anos, ambos moradores na aldeia Bororó, ficaram feridos durante uma briga entre eles na madrugada de domingo. O tio foi atingido com golpes de facão na cabeça e braços, enquanto o sobrinho levou uma facada no peito.


Segundo a polícia, eles estavam consumindo bebidas alcoólicas na casa do tio, quando em determinado momento iniciaram uma briga. O tio pegou um facão e acertou o sobrinho, que desarmou o tio e o acertou com golpes na cabeça e braços. Sobrinho fugiu do local.


O tio foi socorrido pela Funasa até o hospital da Vida. O estado dele é grave.


A polícia esteve em diligências pelo local e deteve o acusado. Depois de medicado ele foi levado para a delegacia. O sobrinho disse que agrediu o tio em legítima defesa.

Filho agride Pai

Delíbio Pavão Gressi, de 56 anos, morador na Vila Almeida, foi vítima de uma tentativa de homicídio. O acusado é o próprio filho.

A vítima foi atingida a pauladas pelo corpo e uma facada na barriga. De acordo com Gressi, o filho é dependente químico. Esta seria a segunda vez que o pai é agredido pelo filho. Segundo Delíbio, o motivo é o mesmo, ou seja, o filho queria dinheiro para comprar drogas. O caso dfoi denunciado no 1º DP. (Informações de Sidnei Bronka)


PUBLICIDADE
PUBLICIDADE