PUBLICIDADE
capital

Rapaz fica preso em buraco de muro de concreto ao tentar invadir loja

A polícia encontrou Yuri Moreira da Rocha, preso pelo punho em um dos blocos vazados do muro, que fica ao lado do portão da loja

| CAMPO GRANDE NEWS


Rapaz foi "algemado" com faixas depois de ser socorrido pelo Corpo de Bombeiros (Foto: Marcos Maluf)

Um rapaz de 22 anos ficou preso por cerca de duas horas e meia ao tentar invadir uma loja de fabricação de lajes, na Rua Trindade, em Campo Grande. Ele tentou alcançar o trinco do portão por meio de muro de bloco de concretos e ficou com a mão presa em um dos buracos.

No início da manhã, por volta das 6h30, um vizinho percebeu que o rapaz estava com uma das mãos presas no muro e pediu ajuda a outro vizinho, que acionou a polícia. “Ele entrou aí e ficou enroscado”, disse um deles, que não quis se identificar. A orientação foi ligar para o Corpo de Bombeiros.

No local, a equipe encontrou Yuri Moreira da Rocha, preso pelo punho em um dos blocos vazados do muro, que fica ao lado do portão da loja.

Segundo informações dos bombeiros, foi preciso reposicionar a mão do rapaz, ou seja, ela foi sendo “rosqueada” até ser retirada do buraco.

Yuri disse que estava com uma ex-namorada e que os dois tinham intenção de dormir no local. A PM (Polícia Militar) foi acionada para o registro da ocorrência e identificou que o rapaz tem passagem por tráfico. Os militares disseram que, por enquanto, não há como saber se realmente há outra pessoa dentro do imóvel, pois está fechado.

O rapaz diz que não se machucou. Ele foi “algemado”, com faixas de gaze.


PUBLICIDADE
PUBLICIDADE