PUBLICIDADE
levantamento

Municípios do MS registram queda em casos de homicídios em 2019; confira

| A CRíTICA


Foto: Divulgação

No ano passado, 24 cidades de MS tiveram 100% dos crimes de homicídio elucidados, enquantro outras 17 cidades não registraram nenhum caso de assassinato. De acordo com levantamento feito em âmbito nacional, a média de resoluções de crimes de homicídio fica em torno dos 6%. No MS este índice é superior aos 60%, com registro de 238 mil ocorrências.

Houve uma queda em comparação ao ano de 2018 na taxa de assassinato. O crime caiu de 16,4 a cada cem mil habitantes para 14,4, que segundo estudo feito pela Organização das Nações Unidas (ONU), chegou ao patamar de 30,5 homicídios a cada 100 mil habitantes.

O latrocínio, roubo seguido de morte, caiu 44%: de 25 em 2018 para 14 no ano passado. Já os casos de homicídios dolosos registram queda de 11,3% entre os anos de 2018, onde foram identificados 451 casos, e 2019, com 400 casos.

Em Campo Grande, a queda foi de 66%, com registros de nove casos em 2018 e três, no ano passado.

Os números de resolução de homicídio doloso devem chegar a, pelo menos, 70% até junho desse ano, com a conclusão de investigações ainda em andamento.

Em todo o interior do Estado, o levantamento aponta para uma queda de 9% nos números de homicídios dolosos, com o registro de 355 casos em 2018 e 323 em 2019. Já na faixa de fronteira, crimes de homicídio tiveram uma retração de 6% em números absolutos. Saindo de 268 em 2018 para 251 em 2019.

Quantos aos crimes de feminicídio, a queda foi de 3,1%. Em 2019 foram registrados 31 casos. Um a menos que o ano anterior. 

Relação de municípios com 100% dos casos de homicídio elucidados:

Três Lagoas, Aquidauana, Eldorado, Cassilândia, Água Clara, Alcinópolis, Fátima do Sul, Porto Murtinho, Bataguassu, Costa Rica, Inocência, Paranaíba, Bandeirantes, Corguinho, Rochedo, Rio Negro, Rio Verde do MT, São Gabriel do Oeste, Bonito, Nioaque, Novo Horizonte do Sul, Aparecida do Taboado, Paraíso das Águas e Selvíria.

Municípios com índice de resolução acima de 70%:

Ribas do Rio Pardo (83,3%), Aral Moreira (83,3%), Caarapó (80%), Sidrolândia (80%), Coxim (80%), Maracaju (80%), Nova Andradina (77,8%), Naviraí (75%), Itaporã (75%), Iguatemi (75%) e Bela Vista (71,4%).

Municípios sem registros de homicídios:

Bodoquena, Dois Irmãos do Buriti, Jaraguari, Pedro Gomes, Douradina, Laguna Carapã, Nova Alvorada do Sul, Deodápolis, Glória de Dourados, Jateí, Vicentina, Anaurilândia, Batayporã, Taquarussu, Figueirão, Antônio João e Brasilândia.


PUBLICIDADE
PUBLICIDADE