PUBLICIDADE
Caarapó

Indígenas da América Latina se encontram em Caarapó

A Coordenação Regional da Funasa em Mato Grosso do Sul (Core - MS) , em parceria com o Conselho Indiginista Missionário (CIMI) participou em Caarapó, do lançamento da campanha "Povo Guarani, Grande Povo!"


 

No último fim de semana, a Coordenação Regional da Funasa em Mato Grosso do Sul (Core – MS) , em parceria com o Conselho Indiginista Missionário (CIMI) participou em Caarapó, do lançamento da campanha “Povo Guarani, Grande Povo!”

Realizado na aldeia Tey’Kue, o encontro contou com a presença de indígenas brasileiros, bolivianos, argentinos e paraguaios, todos da etnia Guarani-Caiuá. O principal objetivo do encontro foi o fortalecimento da etnia, através de debates priorizando as melhorias da vida dos indígenas.

A Funasa, através do Pólo-Base do município, prestou toda a assistência necessária com uma ambulância de plantão. Participaram do evento dois enfermeiros, uma nutricionista e o chefe do Pólo, Adalberto Araújo, que declara positivamente a relação da Funasa com os indígenas. “É muito importante um evento como este. Eles debateram a melhoria para a atnia como demarcação de terra, a união dos guaranis, entre outros assuntos. Os indígenas sabem que a Funasa esta disposta a ajudá-los. Eles podem contar conosco”.

 Caarapó está em quinto lugar no estado com a maior população indígena, aproximadamente seis mil. Na região sul do estado, a etnia predominante é a Guarani-Caiuá. Na América Latina, há cerca de 225 mil guaranis.


PUBLICIDADE
PUBLICIDADE