PUBLICIDADE
dourados

Produtores se reúnem com Força Nacional para discutir tensão em área de conflito

| CAMPO GRANDE NEWS


Reunião entre produtores e os policiais da Força Nacional, nesta terça-feira (22). (Foto: Dourados News)

Cerca de 30 donos de propriedades rurais localizadas no entorno da Terra Indígena de Dourados, se reuniram nesta quarta-feira (22) com policiais da Força Nacional na base operação que funciona dentro do 3º Batalhão da Polícia Militar do município.

A reunião integra a fase de mapeamento desenvolvida pela equipe enviada ao município pelo Ministério da Justiça, para atuar na área às margens da Perimetral Norte, próxima à Avenida Guaicurus, onde um tiroteio deixou 5 feridos no início deste mês.

No encontro de hoje, os produtores mostraram vídeos dos últimos conflitos e deram a sua versão sobre os fatos. A equipe da Força Nacional também deve manter diálogo com os índios que vivem no local, ainda conforme o Dourados News.

Cerca de 50 agentes da tropa especial federativa estão na região, sendo que 25 policiais já tem base fixa em Caarapó. A Força, a princípio, permanece em Dourados por seis meses após convênio assinado entre governo federal e estadual.

Área em disputa – As áreas em questão ficam no entorno da maior e mais populoso reserva indígena do país, que abriga as aldeias Jaguapiru e Bororó. Dividida por rodovia e cercada de condomínios fechados, por ali estendem-se propriedades rurais, de chácaras a fazendas.

As disputas se intensificaram nos últimos anos quando indígenas de dentro e fora da reserva começaram o processo que chamam de “retomada” das terras tradicionais, hoje ocupadas por propriedade rurais. Os índios acusam grupo de seguranças contratados por fazendeiros de reagirem com armas de fogo.


PUBLICIDADE
PUBLICIDADE