PUBLICIDADE
Geral

Prefeitura investiga funcionários por acesso a sites pornôs


A prefeitura de Franca, no interior de São Paulo, está investigando sete funcionários acusados de acessar sites pornográficos durante o expediente, usando computadores do município. Em um dos casos o servidor é suspeito de ficar seis horas – quase todo o expediente – nesse tipo de página.  Caso a prática seja comprovada, eles podem ser demitidos por justa causa.


PUBLICIDADE
PUBLICIDADE