PUBLICIDADE
Caarapó

PRF Inicia nesta sexta-feira a Operação Carnaval 2010

| PRF


Nesta próxima sexta-feira, dia 12 de fevereiro, as 00h00, aPolícia Rodoviária Federal de Mato Grosso do Sul inicia a Operação Carnaval. Nos 3.100 quilômetros de rodovias federais, policiais, viaturas e equipamentos eletrônicos serão empregados na tentativa de reduzir a violência nas estradas. Durante seis dias, folgas de policiais serão suspensas, escalas de trabalho estarão duplicadas (compensadas posteriormente) e não haverá tolerância para qualquer tipo de infração de trânsito.
 

 

A PRF fará o que estiver ao alcance para que todos trafeguem em segurança nas rodovias. Mas talvez este esforço não seja suficiente. *A operação terminará às 24h00 do dia 17 de fevereiro.



As estatísticas rodoviárias indicam que 1/3 dos acidentes de trânsito acontece por falta de atenção. Condutores que se distraem enquanto sintonizam uma nova estação de rádio, conferem a viagem das crianças no banco traseiro, conversam com o carona.
 

O mesmo levantamento mostra que 75% das ocorrência de maior gravidade ocorrem em trechos de reta, onde o motorista sente confiança para cometer abusos ao volante. E apesar das  recomendações constantes desde o inicio da Lei Seca, a Polícia Rodoviária Federal no nosso estado já prendeu em flagrante 403 pessoas reprovadas no bafômetro, que insistiram na mistura álcool e direção.


As abordagens preventivas se concentrarão ao longo dos trechos, não somente nos postos, pois a pretensão é inibir condutas como o excesso de velocidade, às ultrapassagens indevidas, ao consumo de bebidas alcoólicas; realizar testes de etilômetros, fiscalizar o uso do cintos de segurança, transporte irregular, aos equipamentos obrigatórios dos veículos, especialmente quanto aos quesitos de iluminação.


Com tais ações esperamos que seja mantido a manutenção da fluidez do trânsito, a prevenção de acidentes e a promoção da segurança viária através da implementação do reforço policial. Esse reforço deverá ocorrer nas localidades de maior fluxo de veículos e nos trechos considerados críticos, aqueles com maior ocorrência de acidentes. Serão empregados reforços nas escalas com policiais que estariam em folga, bem como, os que trabalham na área administrativa para que seja atendida a demanda de tráfego, com expectativa de aumento em até 30%, em alguns trechos/horários.
 


PUBLICIDADE
PUBLICIDADE