PUBLICIDADE
TV

TV paga traz os novos mistérios da última temporada de LOST

| FOLHA ONLINE


Um clima agridoce está no ar. A chegada da última temporada de "Lost", a partir de hoje no AXN, traz sinais de recomeço para os atores da série. Muitos tiveram de se mudar para o Havaí, onde acontece a maior parte das gravações. Agora, precisam inventar novos rumos.

 

Evangeline Lilly, que interpreta a descabelada Kate, diz que vai "voltar a viver". "Sinto que estava tudo suspenso. Não tenho planos concretos. Sou oportunista. Vou aonde os ventos me levam", diz, querendo investir na carreira de escritora e em projetos humanitários.
 

Para Jorge Garcia, vai ser difícil deixar "Lost" de lado. Diz que vai voltar a fazer comédia, mas incorporando algo de Hurley no espetáculo. "Somos muito parecidos. Afinal, preenchi o que não sabia da história dele com pedaços de mim."
 

Na série, o futuro aos roteiristas pertence. Terry O'Quinn, que vive John Locke e vai ser responsável pelas maiores reviravoltas, não entrega nada: "Não tenho respostas. Apenas vejo o fim se aproximar e fico filosófico. É como um bom livro, que você não quer ler o final".
 

Os fãs parecem não concordar com o ator. Querem ver o fim o quanto antes. A estreia do seriado vazou na internet antes da exibição nos EUA e congestionou os sites de downloads. Sabendo disso, Damon Lindelof e Carlton Cuse adiam a solução dos mistérios. O episódio de estreia só adiciona perguntas às muitas dúvidas já existentes. É o princípio do fim, mas vai ser bem animado.
 

LOST - 6ª TEMPORADA

Quando: hoje, às 21h, primeiro episódio, no AXN; às 20h, "Especial Lost", que recapitula as cinco temporadas
Classificação: 16 anos


PUBLICIDADE
PUBLICIDADE