PUBLICIDADE
Geral

Terminou o horário de verão, atrase seu relógio em uma hora


Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná, São Paulo, Rio de Janeiro, Espírito Santo, Minas Gerais, Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul e Distrito Federal devem ter os relógios atrasados em uma hora após o término do horário de verão, que estava em vigor desde 18 de outubro de 2009 e terminou à meia-noite deste sábado (20) para domingo (21).


Na cidade do Rio de Janeiro, as pessoas aproveitaram o sol do último dia com o horário especial para ficar na praia. Já na capital paulista, a prefeitura prepara o ajuste de relógios antigos para as 7h de domingo (21). Em Minas Gerais, segundo um balanço parcial, houve redução de 3,5% no consumo de energia no horário de pico.


A estimativa é de que esta edição do horário de verão tenha levado a uma economia total da energia de 0,5%, o que corresponde a cerca de 490 GWh no Sudeste e Centro-oeste e 136 GWh no Sul. Já a previsão de redução da demanda para esta edição deve ficar em 4,4% nas regiões Sudeste e Centro-oeste, ou seja, 1.780 MW. No Sul, a previsão deve ficar em 4,5% de redução na demanda, o que representa 490 MW.


O balanço oficial dos valores da redução da demanda no horário de pico (entre 18h e 20h) e do consumo de energia será realizado nas primeiras semanas após o término do horário de verão.
 


PUBLICIDADE
PUBLICIDADE