PUBLICIDADE
pedido

Com suspeita de covid-19, presidente da AL de MS pede afastamento do cargo

| G1 MS


Paulo Corrêa, à direita, pediu afastamento da presidência da Assembleia, por suspeita de covid-19, e Eduardo Rocha, à esquerda, assumiu temporariamente o cargo — Foto: Luciana Nassar/ALMS

O presidente da Assembleia Legislativa, deputado estadual Paulo Corrêa (PSDB), pediu nesta quarta-feira (8) afastamento temporário do cargo por suspeita de contaminação pelo novo coronavírus.
Na última sessão da casa, o vice-presidente, Eduardo Rocha (MDB), leu um comunicado do presidente. O texto diz que, visando a segurança de servidores e dos parlamentares, Paulo Corrêa decidiu se afastar da presidência.
No lugar de Corrêa assume o cargo Rocha. O presidente afastado aguarda agora o resultado do teste, positivo ou negativo, para definir o retorno ao trabalho.
A Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul adotou medidas restritivas desde março. Sessões solenes e eventos, por exemplo, foram suspensos.
Além disso, as sessões ocorrem de forma virtual. Público e imprensa não podem acompanhar. Poucos deputados ficam em plenário e à maioria atua à distância.
Até a manhã de quarta-feira (8), o estado tinha registrado 11.063 casos de covid-19 e 134 mortes em razão da doença.


PUBLICIDADE
PUBLICIDADE