PUBLICIDADE
retorno

Athletico-PR vira nos acréscimos e vence Jorge Wilstermann na Libertadores

| GAZETA ESPORTIVA


Walter marcou no final o gol da importante vitória do CAP na Bolívia (Fabio Wosniak/Site Oficial)

O Athletico-PR foi para a altitude de Cochabamba e derrotou o Jorge Wilstermann por 3 a 2, nesta terça-feira, pela retomada da Libertadores. Depois de ficar duas vezes atrás do placar, o Furacão contou com gols nos acréscimos para garantir o triunfo.

No primeiro tempo, Álvarez marcou para os mandantes e Lucho González deixou tudo igual para os brasileiros. Na etapa final, os bolivianos abriram vantagem com o brasileiro Serginho, mas o Athletico virou com Christian e Walter.

Com o resultado, o Furacão assume a liderança do grupo C, com seis pontos somados após duas vitórias e uma derrota na competição. No segundo lugar, o Colo-Colo aparece com a mesma pontuação, mas saldo de gols inferior. A equipe chilena derrotou o Peñarol nesta terça-feira, dentro de casa, por 2 a 1. Bolivianos e uruguaios completam a tabela com três pontos.

O jogo
Em duelo muito movimentado, o time da casa teve mais intensidade no início e conseguiu abrir o placar. Aos nove minutos, lançamento em profundidade vindo da defesa, Álvarez venceu na corrida dos zagueiros, deu um toque para tirar de Santos e completou para o gol.

Pouco tempo depois, aos 16 minutos, o Wilstermann quase ampliou em cobrança de falta de Chávez. A bola tinha direção no canto direito alto da meta, mas Santos espalmou para fora.

O cenário mudou a partir da metade da primeira etapa e o Athletico-PR passou a comandar a maior parte das ações. Aos 37, Aponte derrubou Fabinho dentro da área e o árbitro assinalou o pênalti. Lucho González foi para a cobrança, bateu no canto esquerdo e empatou a partida.

Logo em seguida, os brasileiros quase viraram aos 41 minutos. Falta na entrada da área pelo lado esquerdo e cruzamento certeiro para Erick, que cabeceou firme para defesa de Giménez.

Na segunda etapa, mais uma vez os bolivianos se deram melhor no início. Aos dez, bela tabela entre Patito Rodríguez e Chávez pelo lado esquerda, o ex-Santos cruzou rasteiro e o brasileiro Serginho completou para as redes.

Correndo atrás do empate, o Furacão contou com bela jogada de Christian para igualar o marcador. O meia arrancou com a bola aos 25, tabelou com Paulinho, recebeu dentro da área e tocou na saída do goleiro para empatar.

A virada veio nos acréscimos. Com um jogador a mais desde a expulsão de Serginho aos 42 minutos, Jhonatan fez jogada pelo lado direito e cruzou rasteiro para trás. A bola chegou em Walter, que dominou e bateu no canto direito para virar.

FICHA TÉCNICA
JORGE WILSTERMANN 2X3 ATHLETICO-PR

Local: Félix Capriles, em Cochabamba (BOL)
Data: 15 de setembro de 2020
Horário: 19h15 (de Brasília)
Árbitro: Angelo Hermosilla (CHI)
Cartões Amarelos: Orfano, Aponte e Chávez (Jorge Wilstermann); Erick e Christian (Athletico-PR)
Cartões Vermelhos: Serginho (Jorge Wilstermann)

GOLS
J. WILSTERMANN: Álvarez, aos nove minutos do 1º tempo; Serginho, aos dez minutos do 2º tempo
ATHLETICO-PR: Lucho González, aos 39 minutos do 1º tempo; Christian, aos 25 minutos do 2º tempo; Walter, aos 46 minutos do 2º tempo

J. WILSTERMANN: Arnaldo Giménez; Zenteno, Benegas e Aponte (Willian Álvarez); Justiniano, Carlos Melgar (Torrico), Chávez, Melgar, Patito Rofríguez (Arrascaita) e Orfano; Serginho e Gilbert Álvarez (Pedriel).
Técnico: Cristian Díaz

ATHLETICO-PR: Santos, Jonathan, Felipe Aguilar, Pedro Henrique e Márcio Azevedo (Abner); Wellington, Lucho González (Pedrinho), Erick e Christian (Walter); Geuvânio (Ravanelli) e Fabinho (Carlos Eduardo).
Técnico: Eduardo Barros


PUBLICIDADE
PUBLICIDADE