PUBLICIDADE
polêmica

Propriedades rurais são atacadas em Dourados e Sindicato repudia

| LIGADO NA NOTíCIA


Fotos: Sindicato Rural

Ontem (19), propriedades rurais de Dourados foram novamente atacadas por um grupo que se autodenominam ‘indígenas’, enquanto os produtores rurais tentavam realizar plantio.

Maquinários e equipamentos foram danificados, conforme mostra imagens divulgadas pelo Sindicato Rural.

À reportagem, o presidente da entidade, Lúcio Damália disse que a ação é muito bem orquestrada e que a polícia está de mãos atadas.

“É algo muito bem orquestrado, e os produtores rurais estão cansados desses ataques, eles querem trabalhar, mãos são impedidos por essas pessoas. A polícia fica de mãos atadas, pois não conseguem identificar esse grupo que tem sim, no meio deles, indígenas, mas indígenas que são induzidos a praticar esse tipo de vandalismo”, pontuou.

Segundo Lúcio, a destruição só não foi maior porque outros índios impediram o bando.

Leia na íntegra a nota de repúdio do Sindicato

“O Sindicato Rural de Dourados vem a público, por meio da Diretoria e de todos os associados, REPUDIAR SEVERAMENTE os atos de violência e de vandalismo praticados nesta segunda-feira (19/10), em algumas propriedades rurais localizadas em Dourados, onde produtores, ao tentarem fazer o plantio, tiveram seus legítimos direitos de propriedade cerceados, e, ainda, sofreram diversos danos materiais em seus maquinários e equipamentos, causados por uma minoria de cidadãos que se autodenominam indígenas, que insistem em promover a invasão de imóveis rurais. O Sindicato Rural de Dourados pede veementemente à Justiça brasileira e às autoridades constituídas que tomem as medidas cabíveis em caráter emergencial contra estes atos criminosos, para que os direitos outorgados pela Constituição Federal aos produtores rurais e à população brasileira sejam garantidos”.


PUBLICIDADE
PUBLICIDADE