PUBLICIDADE
boa notícia

'Invictos', 12 municípios passaram pelo pior da pandemia sem mortes por covid

| CAMPO GRANDE NEWS


Homem tem temperatura aferida em ação de combate à covid em rodovia. (Foto: Henrique Kawaminami/Arquivo)

"Invictos” na pior das lutas diante do novo coronavírus, 12 municípios de Mato Grosso do Sul passam pela batalha contra pandemia, que ao que tudo indica está quase no fim, sem apresentar nenhum óbito pela doença. O total de casos registrados neles soma 939, quase a mesma quantidade de Aparecida do Taboado, com 985.

Dos 12, Figueirão e Novo Horizonte do Sul têm um recorde satisfatório: o primeiro tem apenas 21 casos confirmados e o segundo, 22. A população de Figueirão é de 3.059 pessoas e Novo Horizonte, 3.684.

Juti e Rochedo, outros dois sem mortes por covid-19 registradas até agora, são os que apresentaram maior número de casos entre a dúzia de cidades: 223 e 160, respectivamente. Em Juti, há 6.787 habitantes e 5.079 em Rochedo.

Eldorado aparece em terceiro lugar com mais casos, totalizando 158 até ontem e chama atenção por ter bastantes habitantes, se comparado aos demais: 12.400. Isso mostra que a doença foi bem controlada na cidade, que fica no extremo sul do Estado. A incidência nela, no entanto, é alta: 1.274,2 casos a cada 100 mil moradores.

Os demais municípios sem óbitos por covid-19 registrados até agora são Antônio João, com 63 casos; Bandeirantes, com 75; Caracol, com 37; Jaraguari, 39; Jateí, com 45; Santa Rita do Pardo, 49 e Selvíria, com 47.

A menor incidência de casos confirmados entre eles é em Jaraguari, com 536,8 casos a cada 100 mil habitantes e a maior, em Juti, com 3.285,7 casos a cada 100 mil habitantes. 


PUBLICIDADE
PUBLICIDADE