PUBLICIDADE
polêmica

Luciana Gimenez entra na Justiça após ser exposta por maquiador

| RD1


Luciana Gimenez está pedindo indenização de ex-maquidor (Imagem: Reprodução / RedeTV!)

As declarações que Sérgio Di Vicentin, ex-maquiador particular de Luciana Gimenez, fez sobre a apresentadora, não irão passar batidas. Segundo a coluna de Leo Dias, do Metrópoles, a famosa abriu um processo contra o ex-funcionário.
A ação, que corre em segredo de Justiça, conta com a defesa de Luciana, afirmando que ela sofreu danos morais por causa do que o maquiador falou ao seu respeito sobre a titular do SuperPop, da RedeTV!, não ter pago os devidos direitos trabalhistas ao ex-funcionário. De acordo com os profissionais, a declaração é falsa.

Para quem não sabe, em junho, quando Gimenez demitiu Vincentin, ele falou para a publicação: “Trabalhar por 20 anos e receber R$ 30 mil? Isso é uma piada! Ela já deu entrevistas dizendo que eu sabia mais dela do que a própria mãe”.

“Olha, Leo, se eu falar o que eu ouvi naquele apartamento [onde a apresentadora viveu com Marcelo de Carvalho, dono da emissora], ela e Marcelo vão ter que sair do Brasil”, disparou.

Pelo que foi dito pelo maquiador, Luciana Gimenez pede R$ 10 mil como indenização. Além deste valor, a artista também solicita uma tutela de urgência, para que Sérgio seja impedido de divulgar imagens ou qualquer informação que ele saiba sobre ela.

Dessa forma, a equipe jurídica da famosa requer a instauração de uma multa no valor mínimo de R$ 20 mil por cada calúnia ou difamação que o ex-funcionário possa vir a revelar.


PUBLICIDADE
PUBLICIDADE