PUBLICIDADE
Geral

Jogador de futebol americano morre esfaqueado em universidade

| TERRA


O jogador de futebol americano Kendall Berry, 22 anos, foi esfaqueado até a morte no campus da Universidade Internacional da Florida, nos Estados Unidos. O crime foi cometido nesta quinta-feira à noite e chocou o país.
 

Berry foi esfaqueado por volta das 21h, depois de uma discussão com uma ou mais pessoas, de acordo com o detetive da polícia de Miami, Javier Baez, que investiga a tragédia.
 

"Nossas preces vão para a família de Kendall", disse Baez, que entrevistou algumas pessoas que observaram o incidente, embora sem confirmar se há algum suspeito.
 

"Estamos aqui para apoiá-los (a família de Berry), assim como toda a comunidade universitária diante desta tragédia", afirmou Mark Rosenberg, reitor da Universidade da Florida.
 

Jogando pelo time da universidade, Berry terminou a última temporada com sete touchdowns, melhor marca da equipe, apesar de não jogar os primeiros sete jogos devido a uma lesão no joelho.
 

"Quando se coloca uma bola de futebol em suas mãos, aquele garoto podia fazer coisas inacreditáveis", disse Mario Cristobal, técnico de futebol americano de Kendall.

 


PUBLICIDADE
PUBLICIDADE