PUBLICIDADE
campo grande

Com celular na mão, youtuber dirige a 120 km por hora em MS

Luan Marques Galasso tem mais de 470 mil seguidores no Youtuber e outros 170 mil; é famoso entre o público aficcionado por velocidade

| CAMPO GRANDE NEWS


Foto: Reprodução/TV News

Em plena luz do dia, youtuber dirige a 120 quilômetros por hora na Rua Nova Era, onde a velocidade máxima permitida é 30 km/h, no bairro Itanhangá Park, em Campo Grande. Com uma mão no volante e outra segurando o celular para gravar a corrida, Luan Galasso, o motorista, faz vídeo e divulga nas redes sociais.

A denúncia chegou através do Direto das Ruas, por onde o síndico do condomínio Varandas Bella Vista, Mario Abdo, 32 anos, reclama da falta de respeito do influencer com os moradores que passam pela rua onde o vídeo foi gravado.

“Entrou na nossa rua e acelerou 120 km por hora. Isso gera revolta e medo porque um morador do condomínio pode ser atropelado. Uma família que não tem culpa de nada pode ser destruída por conta de um conteúdo para internet”, reclama.

A gravação foi postada nesta terça-feira nos stories do Instagram do perfil PetrolHead, um canal que se caracteriza como “templo automotivo”.

Luan Marques Galasso tem mais de 470 mil seguidores no Youtuber e outros 170 mil. É famoso entre o público aficcionado por velocidade.

Também já teve problemas com a Polícia Civil, que aprendeu no ano passado um Subaru em seu nome.

No novo episódio de desrespeito às leis de trânsito, antes de dirigir em alta velocidade, o youtuber vai até um posto de combustível, onde abastece um carro Gol G3 azul.

Ele também filma o momento e diz não saber sobre a economia do carro. "Vou falar para vocês que não sei da economia desse carro. Sei que faz pouco, ainda mais acelerando igual idiota. Mas vamos testar", comenta.

Depois de sair do posto de combustível, ele continua fazendo stories enquanto dirige. Minutos depois, ele grava o vídeo (acima da matéria).

Na imagem é possível ver o momento em que o influencer passa pela rua Nova Era. Assim que chega perto do estacionamento da universidade Uniderp, o youtuber ainda com o celular na mão diz que vai meter uma “2” e “afundar o pé”.

Sem pestanejar ele acelera a 120 km e continua até um certo ponto. No momento da corrida, tinha carros estacionados nos dois lados da pista, porém nenhum pedestre passava na hora.

Após acelerar, o influencer dá risada e diz. “Não dá trocar com o pé embaixo e uma mão só”, referindo não conseguir mudar a marcha do carro com as duas mãos ocupadas.Racha – Segundo o síndico, a rua é um dos “pontos” de racha durante as madrugadas, em Campo Grande. “Galera utiliza para racha de madrugada. Já teve carro que bateu no muro da Uniderp recentemente. O povo utiliza a rua para fazer exibicionismo”, afirma. -

Mario conta que mora no condomínio há oito anos e já presenciou vários acidentes na mesma rua, perto do residencial.

“Tenho registro de um motorista bêbado que perdeu o controle da direção e bateu no carro de um morador do condomínio que estava estacionado”.

O síndico ainda recorda de outra situação de imprudência no trânsito que aconteceu na mesma rua. “Uma pessoa estava dirigindo em alta velocidade, perdeu o controle e bateu em carro, foi arrastando e pegou outros quatro veículos”.

O acidente aconteceu no dia 20 de junho de 2020, por volta das 21h. Um morador foi até a janela e fez fotos do momento.

O acidente mais recente foi aconteceu no dia 6 de abril deste ano, quando um motorista que conduzia uma S-10 atropelou um motoentregador, que fazia entrega em frente ao condomínio. "No dia os dois foram embora e não teve nenhuma viatura da polícia", conta Mario.

Apesar da vítima não ter se ferido gravemente, o acidente foi registrado por um dos moradores do condomínio. 


PUBLICIDADE
PUBLICIDADE