PUBLICIDADE
Caarapó

Foragida da justiça de Caarapó é assassinada em Sete Quedas

Elza Godoy tinha um mandado de prisão em aberto na Comarca de Caarapó

| CAARAPONEWS


A Polícia Civil de Sete Quedas instaurou inquérito para apurar a morte de uma mulher de 41 anos, ocorrido na noite de quarta-feira (14), na cidade da fronteira.


Elza Godoy foi assassinada com um golpe de facão na cabeça e o enteado da vítima seria o principal suspeito de ser o autor do crime.


De acordo com a delegada responsável pelas investigações do caso, Dra. Ana Paula dos Santos, até a tarde de quinta-feira, dia 15, a equipe de investigação ainda não tinha a confirmação oficial em relação à autoria do assassinato, mas continuava trabalhando no caso.


O crime


De acordo com a Polícia Militar de Sete Quedas, por volta das 21h45 dessa quarta-feira a central de comunicações do Grupamento PM local recebeu uma ligação informando que na região central da cidade havia uma mulher ferida.


Ao chegar ao local os PMs receberam a informação que a vítima, Elza Godoy, havia sido agredida por um golpe de facão na cabeça pelo enteado.


Os policiais chegaram a socorrer a mulher para o Pronto Socorro do Hospital Municipal local, mas Elza já chegou sem vida na unidade de saúde.


Vítima era procurada por homicídio


Segundo a Polícia Militar, ao ser checada junto ao sistema, os policiais descobriram que Elza Godoy era procurada pela Justiça e inclusive tinham um mandado de prisão em aberto na Comarca de Caarapó pelo crime de homicídio.


PUBLICIDADE
PUBLICIDADE