PUBLICIDADE
fim do ciclo

A caminho do Vasco, Nenê se despede de companheiros do Fluminense no CT

| GLOBO ESPORTE


Nenê em ação pelo Fluminense — Foto: André Durão

Depois de definir, na noite desta segunda-feira, as bases da rescisão contratual de sua rescisão com o Fluminense, Nenê foi nesta terça ao CT Carlos Castilho nesta tarde. O veterano de 40 anos não participou do treino, e se despediu dos companheiros. Ainda nesta terça ele assina a rescisão com o clube e fica livre para acertar os últimos detalhes de seu retorno ao time de São Januário.

Nenê foi o principal jogador do Fluminense na temporada 2020, mas não conseguiu repetir o protagonismo neste ano. Após perder espaço na reta final de trabalho de Roger Machado, não conseguiu recuperá-lo com a chegada de Marcão como técnico.
Como seu contrato com o Tricolor se encerra no fim deste ano e as conversas sobre renovação estagnaram, o jogador decidiu mudar de ares, com a expectativa de que tem chances de ser titular absoluto em São Januário.

Ao todo, em sua passagem de 2019 a 2021 pelo Fluminense, Nenê fez 118 jogos, marcou 28 gols e deu 16 assistências.
Nesta temporada, Nenê fez cinco gols e deu seis assistências com a camisa tricolor. Atuou pela última vez na vitória sobre a Chapecoense, em 7 de setembro, mas fazia tempo que não era titular. A última partida que iniciou foi na derrota para o América-MG, em 8 de agosto.

Durante a passagem pelo Fluminense, Nenê foi comandado em duas partidas por Fernando Diniz, atual técnico vascaíno. Foi em 2019. O jogador defendeu o Vasco entre 2015 e 2018, quando se transferiu ao São Paulo. Ele foi campeão carioca em 2016.


PUBLICIDADE
PUBLICIDADE