PUBLICIDADE
Geral

CBF barra jornalistas do "CQC" e do "Pânico na TV"

| TERRA


A CBF manteve a recomendação de proibir a presença de integrantes de programas que seguem a linha do humor na entrevista coletiva após o anúncio dos 23 jogadores que irão à Copa 2010.
 

Representantes dos programas "Pânico na TV" e "CQC" ficaram barrados no corredor de acesso à sala onde Dunga dava explicações sobre a escolha dos atletas.
 

A determinação de permitir apenas representantes da imprensa esportiva nas coletivas da seleção foi tomada no ano passado. Recentemente, Dunga se irritou com uma equipe do programa "Legendários", da TV Record, que ficou em frente a sua casa, pedindo a convocação do atacante santista Neymar. 


A convocação da seleção gerou grande expectativa no país, mas poucas pessoas foram para a porta do hotel onde os 23 nomes para a Copa foram anunciados. Ao todo, cerca de 80 pessoas foram ao local, sendo que a maior parte (50) foram escaladas pela Gillette, patrocinadora da seleção.
 

Os populares na porta do hotel reclamaram bastante da convocação, chegando a xingar o treinador. Eles, no entanto, não tiveram qualquer contato com ele.


PUBLICIDADE
PUBLICIDADE