PUBLICIDADE
Política

Zeca afirma que prefere vice de Dourados

| DOURADOSNEWS


Em entrevista à rádio comunitária Boa Nova FM, de Dourados, o pré-candidato ao governo do Estado Zeca do PT disse que prefere um vice que represente aquela região. “Estamos levantando nomes, alguém que expresse a importância, a força econômica e política, a importância cultural que tem Dourados e toda essa região. Hoje, inclusive, conversei sobre isso com o João Leite Schimidt (PDT), uma cabeça iluminada da política”, disse Zeca.


Na próxima quinta-feira, Zeca e sua esposa Gilda dos Santos viajam a Dourados, onde permanecem até o sábado pela manhã, para participarem do Encontro Regional do PT. “Vou conversar com as lideranças, conversar com o ex-prefeito Tetila, com o ex-deputado João Grandão. Quero visitar o Sindicato Rural, a Associação Comercial, a imprensa, e naturalmente participar da plenária com os companheiros do PT”.


Indagado sobre as conversações com o DEM do atual vice-governador Murilo Zauith, Zeca informou que foram encerradas e lamentou o posicionamento do partido. “Não tem mais conversa. Os democratas do Estado radicalizaram, disseram: Com o PT não. Então eu acho que o Murilo jogou fora a oportunidade de ser senador. Lá atrás eu disse: o Dagoberto sobe pra vice, lançamos a chapa Murilo/Delcídio ao Senado, mas ele não teve a dimensão do que seria isso. Mostrei que já teve antecedente. A senadora Kátia Abreu se elegeu em Tocantins coligada com o PT. Eles optaram em ficar com o PMDB do Puccinelli”.


Zeca reiterou que não pretende criar nenhum constrangimento ao presidente Luiz Inácio Lula da Silva exigindo que participe de sua campanha. “Tenho claro comigo a importância de dois palanques para a Dilma no Estado. Em nada somos contra. Mas o próprio Lula já mandou avisar que, se o André não apoiar Dilma, vem aqui fazer a campanha do Zeca”.


PUBLICIDADE
PUBLICIDADE