PUBLICIDADE
Caarapó

Ana Hickmann lança Ceprovest de Dourados

| DOURADOSAGORA


A modelo e apresentadora de TV Ana Hickmann lança nesta sexta-feira, durante a Expo-MS Industrial 2010, o Ceprovest (Centro de Produção do Vestuário e Têxtil) de Dourados. O lançamento acontece às 18h, no estande da Prefeitura de Dourados no Centro de Convenções e Exposições Albano Franco, com a presença do governador André Puccinelli (PMDB), do prefeito Ari Artuzi e do presidente da Fiems (Federação das Indústrias de Mato Grosso do Sul), Sérgio Longen.
 

O Ceprovest irá desenvolver o setor têxtil do município com a ampliação de novas indústrias, propiciando a geração de mais empregos e por consequência disso, a diversificação da economia local. “A Grande Dourados é uma das regiões que apresentam o maior índice de pessoas prontas para serem qualificadas”, destacou o presidente da Fiems, explicando que este é um projeto cuja execução partiu de uma parceria entre a Fiems e a Prefeitura de Dourados.
 

Implantado numa área de 140 mil metros quadrados às margens da BR-163, em terreno doado pela prefeitura no Jardim Guaicurus, o Ceprovest terá espaço suficiente para abrigar pelo menos 30 fábricas de grande porte. Para isso, serão construídos galpões, além de creches aos funcionários que irão trabalhar no local; espaço para lazer e atendimentos nas áreas de saúde e segurança do trabalho.
 

Também serão construídas uma Biblioteca da Indústria do Conhecimento do Senai com cursos voltados para o segmento de vestuário e têxtil e uma Agência de Formação Profissional do Senai, com cursos voltados para o segmento de vestuário e têxtil. Com o Ceprovest, indústrias de todos os lugares do país poderão vir para Dourados, onde o município conta inclusive com vários programas de incentivo ao desenvolvimento.
 

A proposta é atrair novos investidores e fazer com que o setor têxtil gere mão-de-obra e incremente a economia.
 

Maringá
 

Recentemente o secretário de Agricultura, Indústria e Comércio de Dourados, Maurício Peralta, esteve em Maringá (PR), considerada uma das referências do país neste segmento. Na cidade, manteve contato com proprietários de fábricas e também com organizadores de grandes feiras.
 

Uma visita não somente como troca de experiências, como ele mesmo definiu, mas também como um convite para que esses empresários possam vir ao município para ver de perto esse novo projeto de empreendedorismo. O secretário relatou ainda que a proposta com o Ceprovest é copiar a ideia de Maringá, de trazer caravanas de todos os lugares do país para Dourados.
 

“Nossa intenção é que os comerciantes de outros Estados possam vir aqui e conhecer de perto a nossa estrutura, conhecer os nossos produtos e a nossa mercadoria. Esses investimentos e projetos que temos atualmente no setor têxtil em Dourados materializam não somente a região da Grande Dourados e o polo de desenvolvimento econômico, mas o Mato Grosso do Sul como um todo”, ressaltou Peralta.


PUBLICIDADE
PUBLICIDADE