PUBLICIDADE
decisão

Bolsonaro confirma à CNN que desmarcou encontro com presidente de Portugal

Indagado a razão do cancelamento, o presidente afirmou: “ele teria uma reunião com o Lula”

| CNN BRASIL


Presidente Jair Bolsonaro 18/04/2022REUTERS/Adriano Machado Da CNN

O presidente Jair Bolsonaro (PL) decidiu desmarcar um almoço que teria com o presidente português, Marcelo Rebelo de Sousa, na próxima segunda-feira (4), em Brasília.

“Resolvi cancelar o almoço que ele teria comigo, bem como toda a programação”, afirmou Bolsonaro à CNN.

Indagado a razão do cancelamento, o presidente afirmou: “ele teria uma reunião com o Lula”. Rebelo de Sousa confirmou um encontro com ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), no próximo domingo (3), em São Paulo.

Lula é o principal adversário de Bolsonaro na eleição deste ano.

Segundo o governo português, o presidente visitaria São Paulo, Rio de Janeiro e Brasília, mas com o cancelamento do evento que aconteceria no Itamaraty, o chefe de Estado não deve viajar para a capital do país.

De acordo com fontes do governo brasileiro ouvidas pela reportagem em Brasília, a decisão gerou estranheza dos diplomatas envolvidos na negociação, que ainda trabalham para reverter a situação provocada pelo incômodo de Bolsonaro.

Rebelo de Sousa não comentou
Momentos antes de viajar para o Brasil, o presidente português não comentou os motivos do cancelamento do encontro com Bolsonaro e afirmou que não cabe a ele explicar “as razões pela qual foi convidado ou se o convite se mantém”.

“É evidente que se Bolsonaro entende que não pode, não quer, não é oportuno, não entra na sua programação e teve a gentileza de confirmar por escrito. Não vou a Brasília”, afirmou Rebelo de Sousa.

Questionado sobre se o cancelamento altera as relações entre Portugal e Brasil, o presidente respondeu: “Nada”.

Rebelo de Sousa falou sobre as diferenças entre os dois países sobre o conflito na Ucrânia.

“Portugal e o Brasil têm posições diferentes. Portugal é aliado da Ucrânia, o Brasil não. Isso é uma questão pesada. O almoço não é uma questão pesada, não constava sequer no primeiro programa de visita”, afirmou.

Debate
A CNN realizará o primeiro debate presidencial de 2022. O confronto entre os candidatos será transmitido ao vivo em 6 de agosto, pela TV e por nossas plataformas digitais.


PUBLICIDADE
PUBLICIDADE