PUBLICIDADE
Política

PMDB e "Blocão" preparam mega convenção para homologar candidaturas

| MIDIAMAX


A convenção dos partidos do Bloco Democrático Reformista [PMDB, DEM e PSDB] mais partidos aliados tem a expectativa de reunir ao menos 5 mil pessoas no sábado (26). A estrutura está sendo montada em um prédio na Avenida Costa e Silva, perto do terminal Morenão, e contará com uma tenda principal e mais outras duas para receber os delegados dos diretórios municipais que têm voto nas eleições. O chamado 'Blocão' deve reunir 16 siglas nas eleições deste ano.
 

O evento terá início às 9h e tem previsão de término após todos os delegados inscritos votarem [até às 13h].
 

 A assessoria do presidente regional do PMDB, Esacheu Nascimento, explicou que a convenção é do PMDB. Mas, a estrutura será dividida com os outros partidos que já estão coligados com o “blocão” irão participar.

 

 

Segundo a legislação eleitoral, cada partido deve fazer sua convenção. Mas, conforme a assessoria do PMDB, alguns partidos participantes já realizaram e por isso poderão se apresentar na convenção. Caso contrário, podem apenas participar como ouvintes. Apesar de aberto, a convenção dos partidos é um evento interno, onde somente delegados pré-definidos tem direito a voto.
 

Para a senadora Marisa Serrano (PSDB), o clima já é festivo. “Esperamos muitas pessoas amanhã junto conosco, de todos nossos partidos aliados e agora é só festa e iniciar a campanha no próximo di 6 de julho”, destacou a tucana.
 

Marisa acredita que já está tudo fechado e que a convenção servirá para homologar as candidaturas já acertadas.
 

O mesmo pensamento tem o deputado estadual Zé Teixeira (DEM), que espera que a convenção seja um grande encontro e homologue as candidaturas já propagadas, como a do vice-governador Murilo Zauith, que após longa “novela política” será candidato a senador com o vice-prefeito da Capital, Edil Albuquerque em sua suplência.
 

“Estamos esperando muita gente, os candidatos já estão definidos e tudo está correndo dentro do que determinamos dentro do nosso partido para essas eleições”, afirmou.
 

São esperados partidários dos partidos coligados dos 78 municípios de Mato Grosso do Sul.


PUBLICIDADE
PUBLICIDADE