PUBLICIDADE
Caarapó

Messenger se renova e inclui agregador de redes sociais


Para tentar popularizar o uso do Windows Live Messenger , que no Brasil, de acordo com a Microsoft, possui mais de 45 milhões de usuários, o programa de mensagens instantâneas se renova, torna-se a porta de entrada para as redes sociais. A versão beta do aplicativo (compatível apenas com Windows Vista e 7), que já está disponível, traz também uma conectividade melhor entre dois aplicativos Live, o Galeria de Fotos e o Movie Maker.
 

Ao entrar no Live Messenger, o usuário tem à disposição, no modo de visualização completa do programa, apresentando uma página que agrega todas as redes sociais do usuário e que permite saber as últimas atualizações. Nela aparecem desde últimas mensagens publicadas no Facebook, até fotos e vídeos publicadas no site. O mesmo pode ser feito com outras redes como o MySpace,YouTube, Blogger, Flickr, LikedIn e outros.
 

Uma função interessante é que todas as fotos e vídeos aparecem em destaque, com direito a um pequeno slideshow para as imagens. Deste modo, o usuário, enquanto verifica as mensagens instantâneas e quem amigos estão on-line no comunicador, pode ver algumas das novas imagens publicadas pelos amigos.
 

O sistema de agregador de redes sociais, segundo Anna Carolina Lucchese, gerente de produto do Windows Live da Microsoft Brasil, consegue identificar quais amigos o usuário do Live Messenger possui mais contato, ou que está no grupo de favoritos do Live Messenger, e os coloca em destaque na página. Além disso, é possível enviar mensagens para as redes sociais dos amigos do comunicador instantâneo. Ao clicar com o botão direito do mouse, as opções de enviar mensagens para o Facebook ou MySpace, por exemplo, aparecerão e serão publicadas diretamente nos respectivos sites.
 

Entre as novidades do Live Messenger está a possibilidade de deixar recados de vídeo para os amigos. Caso eles estiverem off-line, essa opção permite gravar uma mensagem de 30 segundos que fica armazenada por um determinado tempo no SkyDrive, o servidor em nuvem da Microsoft. A conversa por vídeo também recebeu um toque de modernidade. Além de ser compatível com as webcams de alta definição, o usuário pode enviar fotos e visualizá-las com os amigos enquanto se conversa por meio de vídeo.
 

Outros recursos apresentam abas para unir diversas conversas (antes cada bate-papo era aberto em uma janela) e a possibilidade de ficar invisível apenas para um grupo e não para todo o Messenger, como acontecia até então.
 

Conexão multimídia A Galeria de Fotos e o Movie Maker estão mais conectados ao Messenger. Com um simples toque em um botão, as imagens e vídeos feitos nestes programas serão publicados nas redes sociais.
 

Na Galeria de fotos, uma das inclusões mais interessantes é poder sobrepor imagens, fazendo com que os erros das imagens sumam. Em uma foto de um grupo, por exemplo: se o usuário fotografar três vezes a mesma imagem, o sistema pode mixá-la, fazendo com que uma pessoa que saiu de olhos fechados em uma foto e de olhos abertos em outra, apareça da maneira correta no resultado final. O usuário, ao selecionar os pontos que apresentam erros, é quem decide os elementos que devem ser alterados na imagem. Outra novidade é que o sistema reconhece rostos das pessoas, facilitando a busca por imagens.
 

O Movie Maker, que já apresentava um modo simples de se criar vídeos, está ainda mais fácil. Se o usuário quiser fazer um filme com fotos, um recurso bastante popular, segundo Anna Carolina, basta selecionar as imagens e deixar que o sistema crie o vídeo. É possível selecionar alguns efeitos, deixando o filme em preto-e-branco, por exemplo. Como o rostos nas fotos são reconhecidos automaticamente, nos créditos do filme aparecerão o nome das pessoas que estão nas imagens, além de, por meio de recursos de geolocalização presente nas câmeras atuais, aparecer o nome do local onde as fotografias foram feitas. (G1)


PUBLICIDADE
PUBLICIDADE