PUBLICIDADE

Gilberto Segóvia acompanha Gordo da Tigre em solenidade da Polícia Militar Ambiental em Dourados

De acordo com o vereador, a partir de agora, o do 2º BPMA ficará responsável pela área pertencente à Bacia do Paraná

| ASSESSORIA/VANER MATOS


Foto: Divulgação

O presidente da Câmara Municipal de Caarapó Gilberto Segóvia (PSDB), cumpriu agenda em Dourados na última sexta-feira (23), onde acompanhou o vice-prefeito Gordo da Tigre (PSDB) na solenidade de criação do 2º Batalhão de Polícia Militar Ambiental em Dourados.

De acordo com o vereador, a partir de agora, o do 2º BPMA ficará responsável pela área pertencente à Bacia do Paraná – e será comandado pelo ex-comandante da Polícia Militar de Caarapó, major PM Everson Ferreira Torres.

O vereador Gilberto afirmou que ficou lisonjeado com o convite e fez questão de prestigiar a cerimonia para rever amigos e desejar sucesso ao novo comandante do Batalhão. “Fiquei feliz com a iniciativa do Governo e acredito que isso vai dinamizar os trabalhos da instituição. Por isso fiz questão de comparecer à solenidade juntamente com o vice-prefeito Gordo da Tigre e desejar sucesso ao Major Torres nessa nova missão”, disse Gilberto.

Divisão:

Anteriormente, Mato Grosso do Sul possuía apenas um Batalhão de Polícia Militar Ambiental, com sede em Campo Grande, que dispunha de companhias, pelotões e destacamentos (subunidades pertencentes a um Batalhão), responsáveis por todo o policiamento ambiental do território sul-mato-grossense.

Em dezembro, foi criado o Comando de Policiamento Ambiental, com sede na capital, e, posteriormente, foi criado o 2º Batalhão de Polícia Militar Ambiental, com sede em Dourados. Com essa divisão de áreas os batalhões vão operar na 1° BPMA pertencente à Bacia do Paraguai e a área do 2º BPMA pertencente à Bacia do Paraná. Porém, os dois Batalhões ficarão subordinados hierarquicamente ao Comando de Policiamento Ambiental.


PUBLICIDADE
PUBLICIDADE