PUBLICIDADE
Caarapó

PRE apreende 460 quilos de maconha que viria para Caarapó

| DOURADOSAGORA


 

A Polícia Militar Rodoviária Estadual (PRE), realizou a apreensão no início da madrugada de ontem de um carregamento de 460 quilos de maconha, que era transportada sob uma carga de banquinhos de madeira.

A carga saiu de Coronel Sapucaia na fronteira com o Paraguai e teria como destino o Rio de Janeiro, com escala em São Paulo, segundo os agentes militares. A apreensão aconteceu em frente à base da PRE de Amambai na rodovia MS 156 entre Amambai a Tacuru.Os policiais abordaram o caminhão Mercedes Benz LP 321, vermelho, placas BWA 4498 de Embu-Guaçu-SP, conduzido por Elioni Rodrigues de Araújo 41, residente em São Paulo, que tinha como acompanhante Agnaldo Andrade, 42, também morador em São Paulo.

O condutor do veículo disse aos policiais, que saiu de Coronel Sapucaia com destino a Caarapó e Dourados, transportando 1000 banquinhos de madeira, conforme especificava a nota da carga.

Diante do relato do motorista e ao perceber que o caminhão estava fora da rota, apontada como destino pelo motorista, os policiais desconfiaram e passaram a realizar uma vistoria minuciosa na carga quando localizaram vários feixes de madeira, tipo balaústre, que depois de aberto revelaram a existência da droga.

Segundo a polícia, no interior da madeira foram abertas cavidades para abrigar os tabletes de maconha prensada. Conforme a PRE, o motorista disse desconhecer a existência da maconha na carga. No entanto teria relatado aos policiais que até Amambai, veio escoltado por um veículo que, para a PRE servia como "batedor".

De acordo com o motorista, a carga de madeira seria levada de Coronel Sapucaia até São Paulo, onde seria passada para outro caminhão e seguiria direto para o Rio de Janeiro.

Elioni Rodrigues e seu acompanhante, Agnaldo Andrade, receberam voz de prisão e juntamente com o entorpecente apreendido, foram encaminhados para a Delegacia de Polícia Civil de Amambai.


PUBLICIDADE
PUBLICIDADE