PUBLICIDADE
Caarapó

Comandante da PM em Caarapó fala sobre suposta agressão

O comandante do 2º Pelotão da Polícia Militar em Caarapó, Capitão Carlos Magno da Silva, comentou sobre a denúncia de uma suposta agressão a um menor por parte de policiais militares.

| CAARAPONEWS


 

Em entrevista ao CaarapoNews, o comandante do 2º Pelotão da Polícia Militar em Caarapó, Capitão Carlos Magno da Silva, disse que só tomou conhecimento do caso da suposta agressão de policiais militares ao menor de 14 anos, ontem através da imprensa, pois até o momento não havia recebido nenhuma denúncia oficial. O Capitão disse à reportagem que o que foi passado a ele pelos policiais é que o menor estaria embriagado, que teria se envolvido em uma briga no Balneário Municipal, e que teria inclusive ameaçado os guarda-vidas no local, que o mesmo havia sido recolhido e teria passado mal devido ao alto estado de embriagues. O Capitão disse ainda que o menor danificou uma das viaturas durante o ocorrido.

Magno afirmou ainda que, se ficar comprovada a agressão, os PMs responsáveis serão recolhido imediatamente. "Vamos tomar as medidas disciplinares que a situação exige", garantiu. Porém ressalta que por enquanto não pode fazer nada, pois ainda não recebeu o boletim de ocorrência que o pai do menor teria registrado e nem o laudo médico do hospital.

“A população caarapoense pode ficar tranqüila que vamos apurar o caso com todo profissionalismo, sou contra todo e qualquer tipo de violência, a Polícia Militar deve fazer um trabalho de policiamento comunitário”, afirmou o comandante.

 


PUBLICIDADE
PUBLICIDADE