PUBLICIDADE
Caarapó

PRF inaugurou posto em Caarapó

A Polícia Rodoviária Federal (PRF/MS) inaugurou ontem o Posto de Fiscalização em Caarapó.

| DOURADOSAGORA


  

A inauguração do Posto da Polícia Rodoviária Federal (PRF) na BR-163, quilômetro 192, em Caarapó, é apontado por responsáveis pelos órgãos de segurança da região como uma conquista que garantirá segurança a todos. Muito mais da sociedade caarapoense que foi a grande motivadora da construção.

Mesmo porque, com apoio do Sindicato Rural de Caarapó e sociedade, foi possível construir a base num dos trechos de maior tráfego de veículos com cargas e de passeio na região Centro-Sul.

O acesso ao Porto Paranaguá, que escoa produtos da região Sul e Centro-Oeste, ganhará em segurança. "Todos saem ganhando. E o nosso papel é coibir abusos no trânsito e também os descaminhos, assim como inibir o tráfico de drogas. E esse posto, muito bem localizado, vai ter esse papel. A sociedade de Caarapó também ganha em segurança. Porém, essa conquista, só está sendo concretizada porque na época, em 2004, quando sentamos com o Sindicato Rural de Caarapó para expor a nossa idéia, eles abraçaram a causa. Foi um trabalho respaldado e que traz frutos", destacou o inspetor Waldir Brasil.O presidente do Sindicato Rural de Caarapó, Jesus Camacho, que deu continuidade ao projeto, disse "que foi uma satisfação apoiar o projeto. Estamos sempre prontos a colaborar em tudo que traz segurança à população de Caarapó".

O prefeito de Caarapó, Mateus Palma, em suas declarações, foi mais longe ao se prontificar e ainda solicitar apoio da comunidade e também do poder público para a construção de um novo posto. Dessa vez entre Caarapó e Amambai. "Essa foi uma luta que começou há quatro anos atrás e uma luta de muitas pessoas que viram a importância de ter uma unidade da PRF na nossa região. Temos que reconhecer que em nossa cidade e região existem muitas pessoas honestas. Porém, algumas não são. Nós concluímos uma etapa. Agora vem a outra. Estamos à disposição para começar o projeto de um posto entre Caarapó e Amambai que, infelizmente, é uma rota do tráfico porque estamos na linha de fronteira. E essa é uma necessidade", avaliou o prefeito de Caarapó.

O superintendente regional da PRF, inspetor Valter Aparecido Favaro, participou da solenidade de inauguração e agradeceu ao Sindicato Rural de Caarapó por acreditar no projeto e dar respaldo. "Esse posto é um tentáculo dos setores da segurança. É um Posto de serviço não da PRF, mas de todos, principalmente da sociedade. Tanto é que foi um pedido dos moradores que essa obra aconteceu. Nós estamos aqui para trabalhar com a união das forças de seguranças para enfrentar e combater o crime organizado", disse o superintendente que em 2004 era presidente do Sindicato Rural de Caarapó, participou da primeira reunião e depois acompanhou de perto o processo de construção do Posto Caarapó.

A solenidade inaugural contou com a presença dos delegados de todos os órgãos de segurança da região Sul e ainda lideranças políticas de Dourados, Caarapó e Naviraí; Receita Federal e ainda empresários, produtores rurais e policiais rodoviários federais.


PUBLICIDADE
PUBLICIDADE