PUBLICIDADE
Caarapó

Caarapó vai criar pólo empresarial

Caarapó pretende concentrar em um só lugar as micro, pequenas e médias empresas do setor industrial e de prestação de serviços, de modo a facilitar o acesso dos usuários.

| ASSESSORIA


 

Concentrar em um só lugar as micro, pequenas e médias empresas do setor industrial e de prestação de serviços, de modo a facilitar o acesso dos usuários. Este é o objetivo que o prefeito Mateus Palma de Farias (PR) pretende atingir em um curto prazo com a implantação em Caarapó do empreendimento que ele classifica como “Pólo Empresarial”, e para cuja instalação o Município já possui área.

“Caarapó está passando por um processo de industrialização com a chegada de grandes empresas, como a Agrenco e a usina Nova América, o que gera como conseqüência a atração de outros empreendimentos menores, mas também muito importantes para o setor de desenvolvimento econômico”, observou o prefeito. Ele acrescentou que a cidade necessita concentrar essas empresas em um mesmo local, facilitando o acesso dos usuários dos serviços por elas oferecidos.

Em fevereiro, a prefeitura adquiriu com recursos próprios uma área suburbana de 22,4 hectares anexa à BR-163, à direita da rodovia, no sentido Caarapó-Dourados, para esta finalidade. “O Pólo Empresarial vai abrigar novas indústrias de pequeno e médio porte e prestadoras de serviços que quiserem se instalar em Caarapó”, informou Mateus Palma de Farias. “Ainda não definimos os critérios de instalação, mas já iniciamos as discussões em torno desse assunto”, acrescentou. Segundo o prefeito, mesmo aquelas empresas em operação na zona urbana, como marcenarias e oficinas mecânicas e de funilaria e pintura, poderão se transferir para o local.

Mateus Palma de Farias disse que está sendo procurado por donos de empresas que estão sendo atraídos pelas oportunidades que Caarapó está oferecendo com o salto de desenvolvimento registrado nos últimos anos. “Isso nos motivou a planejar a criação do Pólo Empresarial, pois é a contrapartida que podemos oferecer para atrair novos negócios para a cidade, de grande importância para o nosso setor de desenvolvimento econômico, especialmente na geração de empregos”, declarou.

Na última quinta-feira, em visita ao local, acompanhado dos secretários Roberto Maitan (Obras) e Roberto Nakayama (Desenvolvimento Econômico), Mateus Palma da Farias manifestou o desejo de iniciar “imediatamente” o processo de implantação do Pólo Empresarial.


PUBLICIDADE
PUBLICIDADE