PUBLICIDADE
Caarapó

Mateus discute segurança pública na capital

O prefeito de Caarapó, Mateus Palma de Farias (PR), teve audiência com o secretário de Justiça e Segurança Pública de Mato Grosso do Sul, Wantuir Jacini, ontem (27), às 15h30, em Campo Grande.

| ASSESSORIA


 

O prefeito de Caarapó, Mateus Palma de Farias (PR), teve audiência com o secretário de Justiça e Segurança Pública de Mato Grosso do Sul, Wantuir Jacini, ontem (27), às 15h30, em Campo Grande. Acompanham o prefeito uma comissão de vereadores e membros do Conselho Comunitário de Segurança Pública.

Mateus Palma de Farias informou que vai solicitar oficialmente à Secretaria de Segurança a construção de um posto da Polícia Rodoviária Estadual na rodovia MS-156, entre Caarapó e Amambai. Ele disse que também vai pedir melhorias para as polícias Civil e Militar de Caarapó. Mateus Palma de Farias quer mais apoio em infra-estrutura, como manutenção de viaturas, material de expediente e aumento da cota de combustível, e aumento do efetivo policial militar e de agentes da polícia civil.

A prefeitura de Caarapó repassa dois mil reais por mês ao Conselho de Segurança para auxiliar na manutenção dos veículos e para a compra de combustível para as viaturas da polícia. A esse respeito, Mateus Palma de Farias disse que, apesar de a segurança pública ser de responsabilidade do governo do Estado, ele considera necessário o apoio da administração municipal, pois é no município que a polícia atua. Ele disse que também vai pedir que a Agencia Estadual de Administração do Sistema Penitenciário – a Agepen, assuma a guarda da cadeia de Caarapó, para que os agentes de polícia que hoje cuidam da cadeia possam estar liberados para exercer o seu papel, que é de investigar crimes, e não cuidar de presos.

O prefeito acrescentou ainda que, com as oportunidades de emprego que estão surgindo em Caarapó a partir da instalação de novas indústrias, a população está crescendo. Isso gera novas demandas em todos os setores, inclusive na área de segurança pública.

É claro que a segurança pública é de responsabilidade do governo do Estado, mas nós não podemos nos omitir diante dos problemas que a nossa população enfrenta. Dessa forma, também damos a nossa colaboração para a solução desses problemas.

“Essa situação de desenvolvimento pela Caarapó está passando gera também problemas, pois ao lado de coisas boas vêm também coisas ruins, mas estamos atentos no sentido de adotarmos medidas que reduzam possíveis impactos negativos”, declarou Mateus Palma de Farias, que disse esperar o apoio do governo do Estado para a solução dos problemas enfrentados pelo Município na área de segurança pública.

 


PUBLICIDADE
PUBLICIDADE