PUBLICIDADE
Caarapó

As portas fechadas, PR homologa a candidatura de Mateus.

Convenção realizada na noite de segunda-feira (30), homologou a candidatura a reeleição do atual prefeito Mateus Palma de Farias (PR). Reportagem do CaarapoNews foi impedida de registrar evento.

| CAARAPONEWS


 

Por Silmara Diniz

Foi realizada, na noite da última segunda-feira (30), a convenção municipal do Partido da República (PR), que na oportunidade, homologou a candidatura à reeleição do atual prefeito Mateus Palma de Farias (PR) e também as candidaturas à reeleição dos vereadores republicanos, Aparecido dos Santos e Mário Valério. A reunião, que contou com a presença apenas da executiva municipal do partido, aconteceu sem a presença da imprensa local, quando esta repórter foi convidada a se retirar do evento sem as devidas explicações.

O dia 30 de junho era a última data para a realização de convenções destinadas a deliberar sobre coligações e escolher os candidatos a prefeito, vice e vereadores. Apesar da escolha dos candidatos através das convenções até ontem, hoje ainda não é permitida nenhuma propaganda política gratuita ou paga no rádio e na televisão.

Nota de repúdio

O CaarapoNews vem, através desta, repudiar a atitude da direção local do Partido da República (PR), pelo ato deselegante e antidemocrático de proibir a nossa reportagem de cobrir o evento, que homologou a candidatura do atual prefeito Mateus Palma de Farias (PR), a concorrer a reeleição ao cargo de prefeito do município de Caarapó.

O CaarapoNews ao longo de um ano e meio cobrindo todos os principais eventos no município de Caarapó, jamais havia sido barrado, sempre foi bem recebido por todos, inclusive em vários eventos da atual administração municipal. Até agora não sabemos o motivo da atitude pequena e deselegante por parte da direção do PR, com a nossa repórter Silmara Diniz, que foi ao local para fazer o seu trabalho e divulgar aos leitores do Caaraponews e a população em geral, informações sobre a oficialização da candidatura do atual prefeito a reeleição e abrir o mesmo espaço que foi dado ao seu adversário em nosso portal.

O CaarapoNews pede desculpas aos leitores que foram privados de saber o que se passou e o que foi decidido, durante a convenção e espera que a atitude seja um ato isolado, pois a liberdade de imprensa deixou de ser, há muitos anos, conseguida através da luta contra a censura e, parafraseando Thomas Jefferson, “onde a imprensa é livre e todo homem é capaz de ler, tudo está a salvo”.

André Nezzi, diretor do CaarapoNews

 

 


PUBLICIDADE
PUBLICIDADE