PUBLICIDADE
Caarapó

Mário Duran deu ponta pé inicial em sua campanha no sábado

Mesmo com o clima frio e sem atrações como música e show ao vivo, artifícios proibidos pela legislação eleitoral, um bom público acompanhou, na noite do último sábado (30), o primeiro mini-comício da coligação "A Força que vem do povo".

| CAARAPONEWS


 

Mesmo com o clima frio e sem atrações como música e show ao vivo, artifícios proibidos pela legislação eleitoral, um bom público acompanhou, na noite do último sábado (30), o primeiro mini-comício da coligação “A Força que vem do povo”, composta por quatro partidos (PDT, PRB, PMN e PSB) que traz Mario Duran Leitão como candidato a prefeito e o ex-vereador Claiton Antonio de Paula Araújo, o Kem, como candidato a vice em Caarapó.

O ato público aconteceu no Bairro Santo Antônio e teve a presença e o discurso de todos os candidatos ao cargo de vereador que compõem a coligação.

Metas de trabalho - Em seu discurso Mario Duran falou sobre suas metas de trabalho, destacando as necessidades de melhorar principalmente os sistemas de saúde, educação e o assistencialismo social, que segundo ele andam esquecidos pela atual administração. “Não podemos admitir que pessoas acordem de madrugada para esperar na fila do PAM e não sejam atendidas ou faltem os remédios que as mesmas necessitem”, afirmou.

Segurança Pública - Duran falou também sobre os constantes problemas com a segurança pública do município, dizendo que o prefeito não pode se omitir e deixar a responsabilidade a cargo do governo estadual. Segundo Mario, deve-se investir em educação e programas sociais voltado ao jovem para que os mesmos não caiam nas drogas e conseqüentemente no mundo do crime. “Temos que combater esse problema pela raiz, educando e conscientizando nossas crianças sobre os riscos das drogas, oferecendo lhes educação de qualidade, esporte e também investir na capacitação dos jovens para o mercado de trabalho” disse.

Habitação - Mario Duran fez o compromisso de que se eleito for, uma de suas primeiras metas será a construção de casas populares para os moradores carentes do município: “É inadmissível nos dias de hoje, que em uma cidade que tem a arrecadação que Caarapó tem, existam famílias morando em barracos de lona ainda, em nosso mandato isso não acontecerá”.

Finalizando seu discurso, Mario falou sobre o abandono em que, segundo ele, se encontram os bairros carentes e os distritos de Caarapó. “Os bairros carentes e os distritos de nossa cidade foram abandonados pela atual administração, em nosso governo trataremos a todos iguais sem fazer distinção de rico ou pobre, teremos uma Caarapó mais justa”, finalizou.

O presidente estadual do PMN (Partido da Mobilização Nacional) Adauto Garcia e a candidata a prefeita do partido em Campo Grande, Iara Costa, prestigiaram o evento.

 


PUBLICIDADE
PUBLICIDADE