PUBLICIDADE
Caarapó

Coluna Fatos & Boatos - Por André Nezzi

Confira a Coluna Fatos & Boatos dessa semana, escrita pelo diretor do CaarapoNews, André Nezzi.

| CAARAPONEWS


 

Reta final

Ta chegando à hora da onça beber água, menos de 10 dias para as eleições e agora o clima de eleição parece pairar sobre Caarapó.

Virou a casaca

Braço direito do candidato a prefeito Gino Machado (PSOL), abandonou o barco na última semana. O motivo teria sido um suposto almoço na cidade de Dourados, onde teria ocorrido o desentendimento. Até adesivo de outro candidato já esta colado na porta da casa do ex-assessor.

Na bronca

Ex-prefeito Quinto di Domenico está na bronca com a coordenação da coligação “Caarapó ainda melhor”. Quinto lançou sua esposa Tereza (PMDB) como candidata a vereadora e, segundo ele, o proibiram de falar durante o tempo que é destinado a ela nas reuniões. Na bronca, o ex-prefeito anda dizendo que não vai mais comparecer nos encontros.

Pesquisa

“Coligação Caarapó ainda melhor”, que tem Mateus Palma de Farias (PR), como candidato a reeleição, teria encomendado pesquisa, que foi registrada no cartório e deve ser publicada nos próximos dias na cidade.

Confusão

Durante as entrevistas para essa pesquisa, o clima esquentou no jardim Santa Marta. Segundo uma moradora, ao perceber que o entrevistado era eleitor de outro determinado candidato, a entrevistadora não colhia os dados, o que resultou em uma grande confusão, precisando a funcionária do instituto de pesquisa ser retirada as pressas do bairro.

Pesquisas

Como já dissemos antes, pesquisas existem ao gosto do freguês. Basta ver a disputa eleitoral em Amambaí e Dourados, onde a cada dia surge uma pesquisa diferente. Quem encomenda sempre está na frente.

Entrevistas

O site CaarapoNews cumpriu seu papel como meio de comunicação, deixando seus leitores bem informados sobre as propostas dos candidatos ao cargo de prefeito. O site realizou entrevistas com os candidatos, Mateus Palma de Farias (PR) e Mário Duran Leitão (PDT). O candidato Gino Machado (PSOL) se recusou a realizar a entrevista.

Alto nível

Há de se destacar a postura dos dois entrevistados, que evitaram as acusações e as ofensas, expondo apenas as suas propostas de trabalho, mostrando o amadurecimento dos políticos caarapoense.

Destaque negativo

O destaque negativo ficou por conta do candidato Gino Machado (PSOL), que se recusou a conceder a entrevista, apesar da insistência de nossa equipe. Uma pena, quem perdeu foi o eleitor caarapoense que ficou sem saber as propostas do candidato para o município.

Pai da criança

O candidato a vereador Oscar Centurião (PDT) distribuiu recentemente um panfleto pela cidade, onde entre outras coisas, dizia que teria viabilizado junto ao Deputado Federal Antonio Carlos Biffi (PT) R$ 1 milhão para realização da pavimentação asfáltica da Rua da Saudade.

Pai da criança II

O panfleto do candidato a vereador deixou irritado o prefeito e candidato a reeleição Mateus Palma de Farias (PR). Em seu programa eleitoral no radio, Mateus, diz que ele juntamente com o PT local, foi quem conseguiu essa emenda, e que Oscar estaria mentindo.

Pai da criança III

A irritação do prefeito foi tamanha que chegou a enviar um dos panfletos cobrando explicações do Deputado. Biffi por sua vez preferiu não se envolver nessa questão, pois apóia a candidatura de Mateus a prefeito e também a de Oscar, que foi o coordenador de sua campanha em 2006, a vereador.

Pai da criança IV

Sobre essa polemica, Oscar foi taxativo, “ninguém do PT em Caarapó fez campanha para o Deputado Federal Biffi, muito menos o prefeito, agora depois das inúmeras emendas dele para o município, todos querem abraçá-lo, eu me divirto com isso”, ironizou Centurião.

Não obrigado

Coligação teria recusado a presença de Deputados na cidade para engrossar o discurso de seu candidato em algumas reuniões. “Se não for trazer dinheiro, não precisa vir”, teria dito alguém da coordenação da campanha.

Rivalidade

Durante as reuniões da coligação “Caarapó ainda melhor”, certo clima de rivalidade anda pegando entre um candidato novato ao cargo de vereador e outro que já busca a vaga pela terceira vez. Um diz que precisa renovar, o outro em seu discurso diz que já fez e vai fazer mais. Essa rivalidade se estendeu para as ruas, onde simpatizantes de ambos, andam fazendo apostas interessantes sobre qual dos dois terá mais votos.

Gasolina

Caminhão de gasolina teria chegado a Caarapó nos últimos dias para alegria de alguns candidatos a vereador que já não agüentavam mais o pede-pede.

Denúncias

Leitores do CaarapoNews diariamente nos enviam torpedos e e-mails com denúncias sobre esse ou aquele candidato que estariam comprando votos descaradamente. Avisamos aos nossos leitores que não podemos publicar esse tipo de mensagem sem provas, e que o correto é denunciar com as devidas informações ao Ministério Público.

Apuros

Dizem que pouca gente está conseguindo dormir na periferia da cidade nestes dias que antecedem a votação. Estaria todo mundo vendo o Corujão na tevê na expectativa de reprisar a fita da mala-preta ambulante...

Apuros 2

Um cidadão que entende do assunto disse que comprar votos em uma cidade como Caarapó seria a coisa mais fácil do mundo, aliás, seria em quase todo lugar...

Apuros 3

Normalmente fazem o contato com a dona Maria de um bairro e dizem para ela contratar outras dez pessoas com a promessa de dar R$ 50 ou R$ 100 para cada uma e assim multiplica-se o feito pela cidade afora.

Desespero

Tem candidato a vereador fazendo contas malucas e tentando mostrar a equação vitoriosa. Aliás, o que mais se escuta nessa reta final por pessoas ligadas aos candidatos a vereador é que fulano vai gastar 40, 50, e pasmem até R$ 90.000 para se eleger vereador.

Perguntar não ofende

O que leva alguém a gastar esses valores para receber salários em torno 3 a 4 mil ? Eleitor tem que ser mais esperto e perceber que esses que estão gastando fortunas agora, vão querer receber esse dinheiro de volta de um jeito ou de outro e quem acaba pagando é o povo.

Aldeia fervendo

A Aldeia Tey’ Kue está fervendo por esses dias, tem gente distribuindo panfletos, inclusive utilizando fotos do CaarapoNews sem autorização, existem funcionários públicos se afastando do serviço para ficar praticamente 24 horas no local, e até gente que vive falando em Deus, fazendo “acertos”. Pirapirê também não anda faltando para tentar buscar os polêmicos votos dos moradores da reserva.

Frase da semana

"A política costuma ser a arte de, em primeiro lugar, não dizer a verdade." - Antônio Guterres

 

 

 

 

 


PUBLICIDADE
PUBLICIDADE