PUBLICIDADE
Caarapó

Com a presença de Biffi foi inaugurada escola indígena

Foi inaugurada durante solenidade realizada na manhã desta sexta-feira (05), a escola municipal Ñandejara-Pólo, na reserva indígena Te'y Kuê em Caarapó. Deputado Federal Antonio Carlos Biffi (PT), estve presente na ocasião.

| CAARAPONEWS


 

Por André Nezzi

O deputado federal Antônio Carlos Biffi (PT/MS) esteve presente, na manhã desta sexta-feira (05), na solenidade de inauguração da escola municipal Ñandejara-Pólo, na reserva indígena Te’y Kuê em Caarapó.

A obra foi executada após articulação do deputado junto ao Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE) em Brasília, cujo valor total chega a R$ 650 mil e mais verba de contrapartida do Município que contemplará o ensino fundamental e médio. A escola contará, agora, com dez salas de aula, sanitários, área de circulação, dependências administrativas, salas reservadas para diretoria e professores, biblioteca, coordenação, secretaria e sala de informática com acesso a internet. Aproximadamente 600 alunos da pré-escola ao 9º ano serão beneficiados.

Durante a cerimônia de inauguração, Biffi disse estar feliz por mais essa conquista e que continuará lutando para melhorar a qualidade de vida da população indígena. Ainda segundo o deputado, o próximo passo será tentar fazer com que cursos profissionalizantes cheguem até a aldeia e também buscar recursos para a construção de uma creche na reserva. “É importante que as mães indígenas tenham seus filhos na pré-escola já a partir dos 6 meses de vida” afirmou.

Já o prefeito Mateus Palma de Farias (PR), destacou o trabalho da diretora da escola Ñandejara Pólo, Anary Felipe Nantes, que segundo ele vem batalhando, cobrando e levando as reivindicações da escola até o poder público. Mateus disse também estar retribuindo a expressiva votação recebida na reserva indígena, com mais essa obra e prometeu devolver com votos na próxima eleição de 2010, os benefícios que o deputado federal Biffi tem conseguido para Caarapó.

Na oportunidade, o deputado federal, o prefeito e outras autoridades que se fizeram presentes no evento, foram presenteados por crianças indígenas com peças artesanais. No encerramento, as autoridades dançaram juntamente com os indígenas locais o Guaxiré, típico ritual guarani. A Orquestra de Violões composta por alunos do Projeto Musicalizando, sob a coordenação do professor Roberto Teixeira também se apresentou na solenidade.


PUBLICIDADE
PUBLICIDADE