PUBLICIDADE
Caarapó

Traficantes de maconha fazem campanha contra uso de crack

| CAPITAN BADO


 

A Polícia Militar se surpreendeu com a ação de seis homens na tarde desta quarta-feira no bairro Pindorama, região Noroeste de Belo Horizonte. Três adultos foram presos e três adolescentes aprendidos com pelo menos 500 buchas de maconha prontas para venda.

No entanto, o que mais surpreendeu os policiais foram materiais de campanha de combate ao uso do crack. Várias silcagens com os dizeres "Crack, praga do mau, do planeta Terra" e ainda "Crack, droga de pilantra" foram apreendidas pelos militares em uma casa.

No local, ainda foram encontrados 100 camisetas de malhas que seriam estampadas com as frases. Além disso, os suspeitos informaram que estavam com planos de montar uma ONG contra o uso da droga.

O sargento Alexandre Rezende, do 34º Batalhão afirmou que ficou surpreso ao escutar as declarações dos suspeitos. "Suspeitamos que eles queriam prejudicar a concorrência, já que afirmaram que só vendem maconha.

Eles disseram ainda que já usaram o crack e que queriam dar exemplo para os demais sobre os danos causados".Em relação à maconha apreendida, o policial afirmou que a droga era comercializada principalmente em uma lan house no bairro.

Os suspeitos foram encaminhados para o Centro Integrado de Atendimento ao Adolescente Autor de Ato Infracional (CIA), no Barro Preto, na região central de BH, onde serão autuados por tráfico de drogas. Segundo a PM, dois deles possuem passagem pela polícia.


PUBLICIDADE
PUBLICIDADE