PUBLICIDADE
Caarapó

Preso acusado de matar esposa indígena em Rio Brilhante

| DOURADOSAGORA


A Policia Civil de Rio Brilhante prendeu na tarde desta segunda-feira Reginaldo Gonçalves Oliveira, de 32 anos, morador em Rio Brilhante. Em depoimento ao delegado Elias Pereira Soares, ele confessou o assassinato que vitimou Ana Cléia de Oliveira, de 35 anos, esposa do acusado.
 

Soares disse que foi pescar com a esposa em um rio nas proximidades da casa em que moravam. No local teriam tomado quase um litro de pinga. No caminho de volta os dois teriam parado no prolongamento da avenida Prefeito Teofanes, para beber o resto da pinga. Neste momento começaram a discutir por motivos banais.

Ele disse ao delegado que durante a discussão deu uma garrafada na cabeça dela, vários socos, a deixou caída na beira da estrada e foi dormir na casa de uma tia. Na manhã do dia seguinte foi para casa e acabou preso pela polícia no período da tarde. Reginaldo disse que não sabia que a esposa estava morta.

Após prestar depoimento ao delegado Elias Pereira Soares foi indiciado pelo crime de homicídio e colocado em liberdade.
 


PUBLICIDADE
PUBLICIDADE