PUBLICIDADE
Caarapó

Caarapoense é preso com cocaína no Paraná

Caarapoense foi preso com 25 kg de pasta base de cocaína em Curitiba-PR

| CAARAPONEWS/PARANA ON-LINE


A Polícia Federal apreendeu, na tarde de quarta-feira (28), 33 quilos de pasta base de cocaína num laboratório de refino da droga, em uma casa do bairro  Umbará em Curitiba-PR. Dois homens, de 37 e 30 anos, foram presos.

Segundo a PF, esta foi a maior apreensão de cocaína do ano no Paraná e renderia aos traficantes aproximadamente R$ 1 milhão, já que, depois de misturado, o material pesaria cerca de 100 quilos.

A polícia chegou até a casa, na Rua Maria Lopes Arruda, orientada por denúncia anônima. Por volta de 16h, agentes prenderam um dos suspeitos, o caarapoense Marcos Júnior de Matos, que chegava à residência em um Celta.

No carro, foram encontrados 25 quilos de pasta-base da droga. “Acreditamos que a cocaína entrou no Brasil pelo Mato Grosso do Sul via Paraguai e seria distribuída em Curitiba e região metropolitana”, contou o agente Marcos Koren, da Comunicação Social da PF.

Laboratório

Em revista na casa, os agentes encontraram mais oito quilos da droga, já prontos para a venda, duas balanças de precisão, uma prensa hidráulica, embalagens para a droga e até máscara de oxigênio, utilizada no refino da cocaína, além de substâncias para serem misturar à pasta e aumentar seu volume.

Na residência, também foram encontradas uma pistola calibre 45, de uso restrito das Forças Armadas, um revólver calibre 38 com numeração lixada, 71 cartuchos de munição calibre 12.

Segundo a PF, um dos detidos, o caarapoense Marcos, já tinha passagem por tráfico em São Paulo. Ele informou que a droga apreendida, depois de misturada, renderia cerca de 100 quilos. Cada quilo de cocaína, chega a ser vendido por R$ 10 mil.

 

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE