PUBLICIDADE
Geral

Grávida, jovem de 18 anos diz ter sofrido queimaduras em trote em SP


Uma jovem grávida de três meses precisou ser internada na segunda-feira (9), após trote violento no interior de São Paulo. O bebê não corre risco de morte. O caso ocorreu em Santa Fé do Sul, a 625 km de São Paulo, e a estudante sofreu queimaduras no corpo. Ela contou que uma aluna do segundo ano de pedagogia jogou solvente misturado com gasolina e creolina sobre o corpo dela.

Os produtos deixaram queimaduras nas coxas, cotovelo e costas. A jovem foi encaminhada para o pronto-socorro da cidade com mal-estar, ardor na pele e queda de pressão. A polícia informou ter identificado a possível agressora e disse que, se indiciada, ela pode responder por lesão corporal dolosa, quando há intenção de machucar alguém.


O trote foi realizado por estudantes das Faculdades Integradas de Santa Fé do Sul (Funec). Aluna do curso de análise de sistemas, a grávida contou que o trote violento ocorreu no primeiro dia de aula, na segunda (9). A assessoria de imprensa da Funec informou que não se pronunciaria sobre o caso porque a presidente da faculdade está viajando.
 


PUBLICIDADE
PUBLICIDADE