PUBLICIDADE
Caarapó

Presidente de Associação esclarece polêmica sobre resfriadores

"Chicão" esclarece polêmica sobre a utilização dos resfriadores de leite.

| CAARAPONEWS


Por Silmara Diniz

Em visita a redação do CaarapoNews, o presidente da associação de produtores de leite do Boi Jaguá, Aldecir Roberto Fernandes, o “Chicão”, e o produtor de leite Marcos Gomes, esclareceram reclamações enviadas para o CaarapoNews e também para a rádio Grande FM, de Dourados, sobre a utilização dos novos resfriadores de leite conseguidos através do deputado federal Dagoberto Nogueira (PDT) para as associações de produtores de leite.
 

De acordo com a reclamação enviada à imprensa, um dos tanques doados para as associações de produtores de leite estaria na propriedade de um produtor, além de ser usado apenas por ele e que quando o resfriador estivesse cheio, os demais produtores tinham que ir ao outro lado da cidade para entrega do leite.
  Chicão disse, primeiramente, que o nome do reclamante não consta como associado e pediu que a pessoa procure a associação para fazer a reclamação. Em segundo lugar, Chicão salientou que o resfriador é de todos os associados e se houver interesse de algum novo produtor, as portas estão abertas desde que sejam respeitadas as normas de exigência de qualidade e o horário de recebimento.
  Sobre o motivo de um dos resfriadores estar na propriedade do senhor Roberto Gomes, Chicão explica que ele é o maior produtor de leite do Boi Jaguá, que produz cerca de 400 litros por dia e a decisão de manter o resfriador na residência de Roberto aconteceu em reunião com os demais associados. Na mesma ocasião, foi questionado se alguém mais tinha interesse em contar com o tanque ou era contra a medida, mas ninguém se manifestou.
  O também produtor e filho de Roberto, Marcos Gomes, disse ter estranhado a reclamação, pois os tanques não tiveram problemas de ficarem cheios. Chicão finalizou a visita dizendo que o objetivo da associação é trabalhar em conjunto, buscar melhorias para todos e se alguém se sentir prejudicado basta procurá-los que as dúvidas serão esclarecidas. (Informações André Nezzi)
 

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE