PUBLICIDADE
Caarapó

Santos empata com Bragantino, São Paulo vence Oeste

| FOLHA


 

Depois de levar dois gols, o Santos conseguiu se recuperar em Bragança Paulista e arrancou um empate em 2 a 2 com o Bragantino, nesta quinta-feira, no encerramento da 10ª rodada do Estadual-2009.

O resultado, no entanto, tirou a equipe da Baixada Santista, que chegou aos 17 pontos, do G4 do Campeonato Paulista --a quarta posição é da Portuguesa, com 18. Domingo, o Santos volta a campo para o clássico contra o São Paulo, na Vila Belmiro. O Bragantino enfrenta o Ituano, fora de casa.

iniciaCorpo("15;12;16;13;17;14;18;15"); São Paulo vence no Morumbi e mantém "caça" aos líderes

O São Paulo cumpriu seu dever de casa e derrotou o Oeste por 3 a 0, nesta quinta-feira, no Morumbi, mantendo assim a perseguição aos líderes do Campeonato Paulista.

A equipe do técnico Muricy Ramalho manteve assim a terceira colocação do Estadual, com 23 pontos, um a menos do que o Corinthians, que está no segundo posto. A desvantagem para o Palmeiras, líder do torneio, é de dois pontos e um jogo, que o time do Parque Antarctica ainda tem a cumprir.

No próximo domingo, o clube do Morumbi terá pela frente o seu segundo clássico em 2009. Depois de empatar por 1 a 1 com o Corinthians, encara agora o Santos, na Vila Belmiro.

Apesar da proximidade do clássico, Muricy manteve a base que vem utilizando, mas em um outro esquema, o 4-4-2, com Júnior César na lateral-esquerda e Jorge Wagner e Arouca como meio-campistas.

Além disso, ganhou o reforço de Rogério Ceni. O goleiro e capitão estava afastado desde que voltou a sentir uma contusão muscular na coxa direita, na partida contra o Bragantino, no dia 4 de fevereiro. Desde então, vinha sendo substituído por Bosco.

Mesmo ficando com a posse de bola durante a maior parte do tempo, o São Paulo tinha problemas de criatividade e só conseguiu atacar com perigo aos 20min, quando André Dias aproveitou cobrança de escanteio e cabeceou no canto esquerdo de Wéverton, que conseguiu espalmar.

O goleiro do Oeste passou grande parte do primeiro tempo apenas cortando os cruzamentos são-paulinos. Em uma das raras vezes que tentou entrar na defesa rival pelo chão, o hexacampeão brasileiro chegou ao gol.

Aos 38min, Jean fez jogada individual pela faixa central do campo e rolou para Washington dentro da área. O atacante fez o pivô, girou sobre um zagueiro e bateu com a perna esquerda.

O segundo tempo teve um Oeste mais adiantado em campo e, portanto, um São Paulo com mais espaço para atacar. Aos 14min, Hernanes teve uma chance, mas o goleiro adversário defendeu seu chute cruzado. Dois minutos depois, Borges acertou a trave em finalização de fora da área. O atacante também teve oportunidade em cabeçada, mas Wéverton se esticou e defendeu.

O único susto real sofrido pela defesa são-paulina aconteceu aos 24min, quando Rogério Ceni precisou buscar no canto uma cabeçada do zagueiro Dezinho, após cobrança de escanteio. Três minutos depois, foi a vez de Borges retribuir para o São Paulo, acertando a trave.

A continuação do lance de Borges originou o segundo gol são-paulino. André Dias aproveitou bola levantada por Hernanes e cabeceou para ampliar.

Pressionando bastante, o São Paulo ainda fez mais um, com Hernanes, que recebeu passe primoroso de Jean e bateu.

iniciaCorpo("15;12;16;13;17;14;18;15");

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE