PUBLICIDADE
Caarapó

Agricultor colhe mandioca de 64 kg em fazenda em Caarapó

A raiz, com 64 quilos e 3,60 metros, foi retirada na Fazenda Coroados

| TV MORENA


Uma mandioca gigante foi colhida em uma propriedade rural no município de Caarapó. A raiz, com 64 quilos e 3,60 metros, foi retirada na Fazenda Coroados, a 20 km da cidade, próximo a aldeia indígena Te'y Kuê. É a maior raiz já colhida que se tem notícia.


Em agosto de ano passado um aposentado em Coronel Fabriciano, no Vale do Aço (MG), colheu uma mandioca de 1,5 metro pesando 23 quilos. A raiz foi considerada uma das maiores.


Em Mato Grosso do Sul produtores estão acostumados a encontrar raízes e legumes de tamanho pouco comum. O MS Rural deste fim de semana mostra a mandioca gigante. O programa vai ao ar às 8h.


A mandioca gigante foi colhida pelo arrendatário Edvaldo da Silva Pereira, 39, na terça-feira de Carnaval. “A mandioca estava no quintal havia muito tempo, a gente nem tem idéia. Estava atrapalhando o pé de mexirica, então resolvemos arrancar. A surpresa foi o tamanho”, conta Angela Pereira, esposa do agricultor.


A raiz é atração na propriedade. Segundo agrônomos, em experimentos normais, a produtividade da mandioca chega, no máximo, a 15 quilos por pé.


Segundo a literatura agronômica, a mandioca é uma raiz com alto valor energético (cada 100 gramas possui 150 calorias). Possui sais minerais (cálcio, ferro e fósforo) e vitaminas do Complexo B.


A safra ocorre sempre de janeiro a julho. Em Mato Grosso do Sul faz parte da da dieta alimentar dos índios, mas também é muito apreciada com churrasco e em pratos típicos, além da fabricação de farinhas. O Estado é produtor e exporta fécula de mandioca para vários estados.

          


PUBLICIDADE
PUBLICIDADE