PUBLICIDADE
Caarapó

Capital: Policial foi morta quando retornava da faculdade

| MIDIAMAX


A policial civil Elaine Orlando Viana Yamasaki, 35 anos, investigadora da 1ª Deam (Delegacia da Mulher de Campo Grande), retornava para casa após a faculdade quando foi morta. O crime aconteceu na rua 1º de Julho, próximo à Salgado Filho, na Vila Carvalho. Moradores disseram que o marido esteve no local, logo pela manhã.

Ele teria ficado preocupado quando a mulher se atrasou para chegar. Normalmente ela retornava às 23h30, tão logo terminava as aulas. A Polícia Militar chegou ao local do crime por volta das 4h30 da manhã, os bombeiros já estavam lá. O que leva a crer que a morte tenha ocorrido no início da madrugada.


A investigadora foi morta com um tiro na cabeça. O corpo estava dentro do carro, um Fiesta, que já foi retirado logo pela manhã. Restou apenas uma mancha de sangue no asfalto. Segundo a Polícia Militar, havia um molho de chaves perto do veículo e não se tem informações precisas sobre roubo.
 


PUBLICIDADE
PUBLICIDADE