PUBLICIDADE
Caarapó

Neymar e Ronaldo dividem atenções do clássico

| GLOBO.COM


O jovem Neymar tem dividido as atenções do clássico de domingo, entre Corinthians e Santos, com o já consagrado Ronaldo. Os dois são os principais assuntos dos dias que antecedem o jogo no estádio do Pacaembu. Um por mostrar que tem futuro promissor e outro por confirmar o auge de sua recuperação, já podendo atuar durante 90 minutos. Fatos que fazem bem ao futebol brasileiro.


“O Brasil sente falta de jogadores como Ronaldo, Ronaldinho Gaúcho, Robinho, Neymar. São excelentes atletas e que dão outro toque ao futebol”, comentou o lateral-esquerdo André Santos, um dos melhores amigos de Ronaldo no clube.


Embora estejam em momentos bem diferentes na carreira, Neymar e Ronaldo têm algo em comum: estão apenas começando nos seus respectivos clubes. O jovem santista fez até aqui quatro jogos, dois como titular (Mogi Mirim e Rio Branco) e dois entrando durante a partida (Oeste e Paulista). No total, marcou dois gols.


O Fenômeno, por sua vez, entrou em campo três vezes e balançou as redes também duas vezes. O craque corintiano atuou 27 minutos em sua estreia, contra o Itumbiara, pela Copa do Brasil. Mais 31 no empate por 1 a 1 com o Palmeiras, em Presidente Prudente. E 78 na vitória por 2 a 1 sobre o São Caetano.


“De um lado tem Ronaldo, que vai dar preocupação ao adversário. Do outro tem Neymar, com técnica e habilidade. O clássico de domingo tem muitas atrações”, acrescentou o lateral-direito Alessandro, pronto para voltar a ser titular.


Corinthians, segundo colocado com 30 pontos, e Santos, quarto com 27, disputam diretamente uma vaga na fase final do Paulistão. Por isso, o clássico é jogo-chave.
iniciaCorpo("12;11;14;12;16;13;18;14");

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE