PUBLICIDADE
Geral

Cuiabá retoma 'guerra particular' com Campo Grande

| CAMPO GRANDE NEWS


O Comitê Pró-Cuiabá promete retomar esta semana o que chama de “guerra particular” com Campo Grande pela escolha da capital mato-grossense para abrigar jogos da Copa do Mundo de 2014.


Em nota publicada no site www.copanopantanal.com.br, o Comitê admite que “o adiamento esfriou um pouco os ânimos da população cuiabana, mas não a certeza de que em 2014 Cuiabá vai ser mesmo uma das 12 sedes”.


A nota diz que a movimentação continua esta semana. Tanto que anuncia para amanhã uma reunião do Fórum Estadual do Turismo, que congrega organismos governamentais e empresas ligadas ao trade turístico de Mato Grosso. O ponto central das discussões do Fórum será a estratégia a ser adotada até a decisão da FIFA e o que fazer para acolher as pessoas que vão desembarcar em Cuiabá durante a competição mundial.


O Comitê Pró-Cuiabá considera fundamental a participação dos políticos de Mato Grosso na campanha cuiabana, e ressalta que "os adversários" também têm suas armas de pressão.


Por isso, também nesta terça-feira, o Comitê terá uma reunião com toda a bancada de Mato Grosso no Congresso para pedir aos parlamentares mato-grossenses para que mantenham as gestões políticas junto aos órgãos governamentais, à CBF e ao Comitê Organizador da Copa do Brasil, presidido por Ricardo Teixeira.


Cuiabá e Campo Grande aguardam com outras 15 capitais brasileiras a definição da FIFA sobre as 12 sedes da Copa no Brasil. A entidade máxima do futebol mundial promete o anúncio oficial para o final de maio.


PUBLICIDADE
PUBLICIDADE