PUBLICIDADE
estado

Conclusão do Aquário do Pantanal de R$ 170 mi fica para maio, diz Puccinelli

| G1 MS


 O Aquário do Pantanal, que está sendo construído em Campo Grande, só ficará pronto em maio de 2015, segundo declarou, nesta terça-feira (30), o governador de Mato Grosso do Sul, André Puccinelli (PMDB). A obra deveria ter sido entregue em outubro de 2013. Prestes a concluir oito anos de gestão como chefe do executivo estadual, Puccinelli disse ao G1 que a obra custará ao todo R$ 170,5 milhões.

“É o valor final, documentado pela Agesul [Agência Estadual de Gestão de Empreendimentos] e que nos foi entregue nesta terça-feira (30)”, afirmou. A ordem de serviço para o início das obras do Aquário do Pantanal foi assinada no dia 23 de maio de 2011. O valor inicial apresentado pela empresa de engenharia responsável pelo projeto foi de R$ 84,7 milhões.

Aquário do Pantanal, em MS, não ficará pronto em 2014 (Foto: Cláudia Gaigher/ TV Morena)Aquário do Pantanal, em MS, não ficará pronto em
2014 (Foto: Cláudia Gaigher/ TV Morena)

Segundo Puccinelli, o resumo contratual é de R$ 170.521.105,32, valor que se refere à construção do prédio, execução do sistema de ar condicionado, ventilação, reabilitação da ictiofauna pantaneira, fornecimento do sistema de geração de energia elétrica de emergência, serviços técnicos especializados, reestruturação do estacionamento, entre outros.

No dia 18 de dezembro, durante a última sessão da Assembleia Legislativa, os deputados aprovaram o projeto de lei, de autoria do chefe do executivo, que assegura R$ 34 milhões para a conclusão das obras do Aquário do Pantanal.

“O restante do que será gasto está em um fundo de uma conta específica, aprovado pela Assembleia Legislativa", declarou, complentando que o Aquiário vai abrigar diversos órgãos, como a Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa), além de universidades conveniadas do mundo inteiro..

Aquário do Pantanal, em MS, não ficará pronto em 2014 (Foto: Cláudia Gaigher/ TV Morena)Obras deveriam terminar em dezembro de 2014
(Foto: Cláudia Gaigher/ TV Morena)

Ao especificar os recursos, ele diz que 80% são de compensação ambiental. “Nós investimos, no ano de 2013, R$ 797 milhões na saúde e agora estão sendo gastos R$ 170 milhões para projetar Mato Grosso do Sul para o mundo. Mesmo assim, somos criticados pelo fato da compensação ambiental, que estuda o prejuízo causado ao meio ambiente”, ressaltou o governador.

Atraso
A primeira previsão divulgada pelo governo do estado em relação à inauguração do Aquário do Pantanal foi outubro de 2013. O prazo foi adiado para dezembro, mas, mesmo com o adiamento, a obra não foi finalizada. Segundo Puccinelli, a obra está em fase de conclusão e os atrasos recorrentes ocorreram por conta das chuvas em Campo Grande.

“A previsão é que em maio ocorra a inauguração. O governador que assumirá disse que vai fazer auditoria, no entanto o Ministério Público já está na terceira auditoria e até agora constatou que os investimentos foram aplicados com total lisura”, enfatizou.

Marco
Quando finalizado, o empreendimento será o maior aquário de água doce do mundo, com 6,6 milhões de litros de água, distribuídos em 24 tanques, com 7 mil animais de 263 espécies, entre elas peixes, jacarés e cobras.

Sobre os detalhes do Aquário do Pantanal, que incluem ainda um centro de pesquisa, com mil m² de laboratório, biblioteca digital, ele diz que contratou as melhores empresas para a construção do local.

“Temos comitivas portuguesas para cuidar da cobertura, bem como comitivas espanholas para tratar da estrutura metálica e americanos para fazer a colagem das peças do Aquário. Seremos o 6° maior Aquário de todo o mundo e o maior de água doce”, comentou.

Em todo o Estado, André ressalta que o trade turístico está mobilizado para atrair turistas. “Temos empresários em Bonitos e em muitos outros municípios que estão interessados em trazer turistas para Campo Grande. Mais uma vez ressalto que é uma obra que nos projetará para todo o mundo”, finalizou.

Gestão
A Cataratas do Iguaçu S/A venceu a licitação para a gestão do Aquário do Pantanal. A sessão foi realizada no dia 25 de novembro. A empresa, que administra pontos turísticos nos estados do Paraná, Pernambuco, Rio de Janeiro e São Paulo, foi a única a concorrer no processo.

Aquário do Pantanal, em MS, não ficará pronto em 2014 (Foto: Cláudia Gaigher/ TV Morena)Aquário do Pantanal, em MS, não ficará pronto em 2014 (Foto: Cláudia Gaigher/ TV Morena)

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE