PUBLICIDADE
Caarapó

Vereadores podem revogar “Lei Seca”

Vereadores se reuniram na manhã de ontem, para discutir a repercussão da "Lei Seca" que entrou em vigor na última quinta-feira (19) .

| CAARAPONEWS


 

O Presidente da Câmara Municipal de Caarapó, vereador Cido Santos (PR), preocupado com a forma que foi fiscalizada a “Lei Seca” no último final de semana, convocou os demais vereadores para uma reunião em seu gabinete nessa segunda-feira (23).

 A pauta em questão foi a forma como feita a fiscalização da lei, que segundo o vereador Cido Santos, “foi misturado a questão dos menores e também a venda de bebida para os mesmos com a “Lei Seca”, sem contar que vinculou muito o nome dos vereadores tanto pela Promotora, Conselho Tutelar e pela Policia”. Cido Santos justifica que a venda para menores é uma lei federal e a proibição da entrada de menores em eventos trata-se de uma portaria baixada pelo judiciário e ministério público, “somos contrario ao fato de acabarem com as festas tradicionais do nosso município, a exemplo do que aconteceu neste fim de semana na comunidade São Cristóvão e na Feira do Produtor, por isso estaremos nos reunindo com os donos de bares, conveniências, lanchonetes e similares para estarmos ouvindo a opinião de todos, para chegar a um denominador que não prejudique nem eles e nem a nossa população, e se for preciso iremos revogar essa lei”. Finalizou Cido Santos.

Os demais vereadores também se mostraram contrario a forma que a Polícia, Promotora e Conselho Tutelar atuaram principalmente na festa da Comunidade São Cristóvão e Feira do Produtor, que segundo eles são festas tradicionais e que contava com a presença de muitas famílias.

 


PUBLICIDADE
PUBLICIDADE